RSS contos eroticos

Conto Erotico Estuprada na praia por três

Eu estava no rio de janeiro junto com meu cunhado em uma chatérrima convenção de vendas de nossa empresa. durante o dia todo, ficávamos enfurnados no hotel assistindo palestras e etc, só sobrava a noite para alguma diversão. estava um calor danado e já eram aproximadamente 22:30h quando tivemos a brilhante idéia de dar um mergulho, afinal nosso hotel ficava a beira mar. a praia estava meio deserta e eu e meu cunhado entramos na água como se tivesse um sol de 40ºc. quando saímos da água, vimos uma garota muito gostosa passar por nós, uma baixinha bronzeada com um shortinho de lycra bem justo mostrando bem sua bundinha arrebitada e apenas a parte de cima do biquíni. fomos atrás dela e começamos a mexer, chamando-a para um bate papo etc, mas a garota não gostou e virou-se para nós, começou a nos xingar e foi-se embora. começamos a segui-la e chegando numa parte mais escura da praia a garota virou-se e começou a tirar satisfação com a gente, porque seguíamos, ela queria ficar só, chamou a gente de viado... isso foi o bastante, meu cunhado agarrou em seus cabelos e torceu-lhe o braço, fazendo com que ela virasse seu corpo de costas para ele e inclinasse para frente. ele que não é bobo, aproveitou-se da situação e deu-lhe uma tremenda encochada; a garota ficou furiosa e tentou debater-se, aproximei pela frente, segurei em seu rosto e dei-lhe dois tapinhas no rosto e avisei: - se gritar, a gente te arrebenta. ela me olhou fuzilando e enfiei minha mão em seu short e comecei acariciar sua bocetinha, ela fechava as pernas tentando me impedir, meu cunhado agarrou em sua cintura e apertou forte dando uma encochada fenomenal, seu pau já estava duríssimo. arranquei a parte de cima do biquíni e comecei a chupar seus seios; ela xingava a gente de tudo qto era nome, meu cunhado falava besteiras em seu ouvido e a ameaçava dizendo-lhe para ficar quieta. mandei que ficasse de 4 e ela não se movia, então meu cunhado pegou-a pelos cabelos e fez com que ela se ajoelhasse no chão e depois a empurrou fazendo com que ela ficasse de 4, prontamente ele arrancou seu short, tirou o pau pra fora e foi enfiando na garota, entrou tudo e começou a fode-la, aproximei bem de seu rosto, estava com cara de choro, disse-lhe que se comportasse, não iríamos judiar, tirei meu pau pra fora e mandei chupar, ela não queria, me cunhado, por trás puxou-lhe os cabelos e mandou que chupasse, segurei em seu rosto apertando forte e falei que se ela mordesse, eu arrebentaria ela de porrada. ela abriu a boca e coloquei lá dentro. ela não chupava, mas eu estava gostando de foder sua boca. meu cunhado tirou o pau e me pediu para colocar a putinha sobre ele, pois queria que ela cavalgasse. ele se deitou e mandei que sentasse no pau dele e ela mesmo que colocaria. obedeceu, ela estava com raiva, xingava a gente baixinho, colocou o pau em sua buceta e ficou sentada, fiquei de frente para ele e coloquei meu pau em sua boca novamente, puxei seus cabelos e falei: -cavalga sua puta! ela começou bem devagar, mandei que fosse mais rápido e ela obedeceu, fui por trás e empurrei seu corpo para frente, meu cunhado a abraçou, ajoelhei-me e enfiei em seu cuzinho. estávamos os três na areia, meu cunhado por baixo, ela no meio com dois paus enfiados e eu por cima. estava uma delícia, meu cunhado delirava por baixo, pois só eu fazia os movimentos metendo minha pica no cuzinho dela, de repente, ouço alguém falando se poderia participar da festa, quando olho, era um colega que estava chegando, falei para ficar a vontade e fazer o que quiser pois aquela garota era a nossa putinha. o cara foi pela frente e já enfiou o pau na boca dela. meu cunhado falou que ela estava gostando pois sua bocetinha estava molhada, dei-lhe uns tapas em sua bundinha e falei:- se está gostando, rebola minha puta, rebola forte que quero foder esse cuzinho. a putinha então começou a rebolar como uma doida, enfiava meu pau até o fim, meu cunhado delirando por baixo enquanto ela sugava o pau do outro cara. chupava o pau inteirinho, engolia tudo, suas bolas, chupava a cabeça como um sorvete e não resistindo mais a isso, gozei em seu cuzinho, enchi a bunda dela de porra, enfiei meu pau novamente e só tirei quando já estava mole, nossa putinha rebolava como louca, levantei-me e fui para o mar lavar o pau, fiquei observando a cena. meu cunhado já estava gozando e a garota também pois gemia e cavalgava muito, ela não tirava o pau do cara da boca. meu cunhado saiu de baixo dela e foi para a água tb, ficamos observando, ela de joelhos mamando o pau do nosso colega, de repente ele gozou, encheu o rosto dela de porra, segurou em sua cabeça e enfiava e tirava o pau da boca dela, a garota estava coberto de porra, no rosto, seios, pernas, bunda.... o cara foi para perto de nós. ela deitou-se no chão e ficou. nós três ficamos olhando a garota lá deitada, fui até ela e peguei em sua mão e a trouxe para perto de nós. com a água pelos joelhos, começamos a dar-lhe um banho, lavamos a garota todinha, e já estávamos de pau duro novamente, meu cunhado começou a chupar um seio o outro cara chupava o outro, a garota já demonstrava que estava com tesão novamente, mordia os lábios, fui por trás e comecei a foder sua bocetinha, ela em pé com os dois na frente chupando seus seios e eu por trás a fodendo, ela levantava sua bundinha e rebolava lentamente enquanto punhetava os outros dois. a cena era linda. ela com um pau em cada mão, sendo chupada nos seios e eu por trás fodendo, não demorou muito e eu gozei, praticamente junto com ela pois começou a gemer e se eu não estou segurando em sua cintura ela cairia no chão de tanto que bambeou suas pernas. ela se ajoelhou e começou a chupar o pau dos caras, hora chupava meu cunhado, hora chupava do outro, sempre punhetando, até que os dois quase simultaneamente gozaram, enchendo nossa putinha estuprada de porra, a coitada mal conseguia andar, estava exausta, saímos da água e observamos ela se vestir, sem pressa nenhuma, quando estava pronta, deu uma olhada em nós três, deu um leve sorriso e foi-se embora. nosso amigo, até hoje pensa que ela era uma garota de programa. mal sabe ele que ela havia sido estuprada por três...... ksadotesudo@ig.com.br