RSS contos eroticos

Conto Erotico Nossa primeira vez na casa de swing;

Somos casados eu tenho 1,70 altura, 78 kg, branco, ela tem 1.55 altura 68 kg e morena, cintura fina, pernas grossas, seios médios, bumbum grande.
Estamos casados há 11 anos, e eu sempre tive vontade de conhecer uma casa de swing, e alguns anos atrás, comecei a falar p/ minha esposa o que ela achava de ir em uma casa de swing para conhecer, ela não sabia o que era swing, dai expliquei a ela. No começo ficou meio em duvidas, mas o tempo foi passando e eu repetindo o assunto, até que ela topou, mas só com uma condição de apenas olhar o ambiente e não fazer nada.
Marcamos um dia, e fomos para a casa Vostromondo que fica em Valinhos, ela foi com um vestidinho preto com um belo decote sem sutiã com as costas de fora e uma calcinha fio dental preta,estava deliciosa.
Entramos na casa, fomos muito bem recebidos, sentamos em um sofá e ficamos observando o movimento da casa, muitas pessoas bonitas, bem animado o local, e percebi que ela já estava toda assanhada, perguntei a ela se estava gostando ela disse que sim e muito, e perguntei o que estava sentindo, ela disse que muito tesão, já fiquei bem animado, pois já veio na minha mente de fazer amor com ela com todos nos olhando, mas dei tempo ao tempo.
Depois de um tempo fomos conhecer a casa, passamos por vários ambientes e ela gostou do cômodo onde tinha uma cama grande e vários casais transando, perguntei pq, ela disse que dava para ouvir os gemidos e ver todos bem de perto.
Fomos dar mais uma volta na casa, foi quando perguntei se ela queria voltar onde tinha a cama grande, ela respondeu que sim, chegando lá comecei a acariciá-la, beijá-la, e devagarzinho fui falando em seu ouvido se ela queria mostrar seu corpo para os outros verem, e que eu levantaria seu vestido bem devagar até deixá-la peladinha, por minha surpresa ela disse sim, dai comecei esfregar seu corpo no meu e deixá-la mais excitada, e fui levantando seu vestido bem devagar e quando ela percebeu estava peladinha, um tesão só com a calcinha fui dental cobrindo sua bucetinha, momento em que ela abaixou abrindo o meu zíper tirando meu pau para fora e começou a fazer uma deliciosa gulosa, colocando ele todo na boca e passando sua língua cabeça meu tesão aumentou mais ainda, dai levantei ela e falei que ia come-la na frente dos outros e ela topou na hora, coloquei a de quatro na cama, e fiquei chupando sua bucetinha que é pequena e apertada, até pq meu pau tem 15 cm e ela nunca deu para um pau maior que o meu.
Depois comecei a fuder sua bucetinha que estava molhadinha, transamos muito até ela chegar no orgasmo.
Depois que transamos, ficamos olhando os outros casais, e tinha um cara que parecia um jumento, acho que tinha mais ou menos uns 25 cm por 7 de diâmetro, olhei para minha esposa e ela estava abismada com o tamanho do pênis do cara, ela falou "nossa amor é muito grande isso fode qualquer mulher" perguntei se ela gostou, ela respondeu que "sim" perguntei se ela queria experimentar, ela disse "que não, quem sabe outro dia, que precisaria criar coragem, e que não saberia se agüentaria pois era bem maior que o meu e bem mais grosso" ela perguntou se eu deixaria um dotado comer ela, disse que sim, assim ela saberia com era dar para um cara dotado e tiraria sua duvida.
Ela ficou em silêncio, acho que ficou imaginando dando para aquele cara.
Nos divertimos um pouco mais na casa e fomos embora.
Breve teremos outros relatos sobre nossa primeira troca de casal.
Obrigado.
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.