RSS contos eroticos

Conto Erotico Comendo dois travecos safados

Olá meu nome é Felipe, 1,89cm, 23 anos, moreno alto, corpo musculoso, cabelos lisos e negros. Bebel, 1,68cm, 26 anos, travesti morena clara, cabelos cacheados, peitos siliconados e uma bundinha de dar inveja a muitas mulheres. Moni, 1,85cm, 26 anos, travesti morena,cabelos lisos, peitos grandes e siliconados bundinha durinha Vamos ao conto: Eu sempre fui um rapaz, sossegado não gostava muito de festa, tinha uma namorada gostosa, mas não era o bastante, eu tinha vontade de comer um travesti que mora na mesma rua que eu, Bebel o nome dela, Bebel adorava festa, um dia resolvi ir numa festa na cidade onde eu morava, e eu fiquei esperando Bebel ir embora pra eu correr pra minha casa e tentar aborda – lá, afinal ela passava na frente da minha casa pra ir pra casa dela, já era 3 da madrugada e eu estava agoniado pra ir embora, de repente ela e uma outra amiga dela, travesti, Moni, saíram e um cara foi atrás delas. Moni também pra ir pra casa passava na frente da minha, e eu conhecia Moni e conversava muito com ela também, foi quando eu avistei, vindo na direção da minha casa Bebel e o cara se agarrando e Moni na frente andando mais rápido, eu estava cheio de tesão, e pensei vou comer Moni, ela passou e eu falei com ela: -E aí Moni, ficou sozinha hein? Bebel tá se chupando e você na vontade (Ela sorriu, safadamente), eu peguei e botei meu pau pra fora e comecei a mijar e ela olhou pro meu pau, com uma cara de pidona. Aí perguntei -Quer brincar com ele? É você entra na minha casa aqui, que você pode se deliciar. Ela olhou para o lado e para o outro e entrou rápido, levei no banheiro e mandei ela se lavar, ela estava com a cara de assustada, e mandei ela relaxar, ela terminou o banho e fomos pro meu quarto, eu morava com um amigo mas ele estava na casa da namorada e não tínhamos vizinhos, liguei o som e botei meu pau pra fora. Ela começou a fazer uma chupeta ótima, ela já estava nua, ela chupava meu pau e eu metia 1,2,3 dedos no cuzinho dela, ela chupou meu pau por algum tempinho foi quando eu falei que queria meter nela, ela prontamente ficou de quatro, foi quando eu comecei a meter ela gemia como uma atriz pornô e puxava o cabelo dela, dava tapa na bunda dela... de repente o celular dela tocou, era Bebel, por que eu vi, ela não quis dizer onde estava, como eu estava cheio de tesão mandei ela chamar Bebel pra se juntar a nós, fui na porta da casa busca Bebel, que tava muito envergonhada, mandei ela se lavar, ela se lavou e foi pro quarto foi quando ela presenciou Moni chupando meu pau eu mandei ela chupar o cuzinho de Moni, fizemos um oral super gostoso, uma hora eu chupava o cú de Bebel e Bebel chupa a pica ou o cú de Moni. Mandei Moni ficar de quatro e mandei Bebel meter nela e fiquei olhando e me masturbando, mas não agüentei de tanto tesão e comecei a meter em Bebel, metia e puxava os seus cabelos, depois trocaram de lugar ela e Moni, eu metia em Moni com menos tesão do que em Bebel mas metia com muito tesão também, foi quando Moni anunciou que ia gozar, eu falei na cara de Bebel, botei Bebel sentada no pau, e mandei Moni, gozar na cara dela eu metendo em Bebel ela recebendo a porra na cara e se masturbando, ela também anunciou que ia gozar e eu mandei Moni receber na cara, Bebel gozou muito, parecia que tinha séculos sem fuder ou bater uma, uma mandei as suas se beijarem com a cara cheio de gozo, foi quando Moni virou pra e me perguntou se eu não gozava, eu mandei as duas fazer uma chupeta super especial pra mim, as duas fizeram uma chupeta em mim, que nunca nenhuma mulher fez uma igual ou melhor, gozei pra caralho na cara duas e mandei elas engolir o gozo que estava na cara da outra. Terminamos, elas tomaram banho e foram embora e até hoje em dia a gente tranza de vez em quando



Gostou? Então Compartilhe!