RSS contos eroticos

Conto Erotico Comi o nerd !

Olá, meu nome é Marcos, hoje tenho 30 anos, sou casado; sempre tive relacionamento apenas com mulheres, mas, o que vou contar, aconteceu com um outro homem, quando eu tinha apenas 20 anos e ele 14. Naquela época eu namorava e, como minha namorada tinha 16 anos, todos os dias eu ia até a porta da escola busca-lá. Sou negro, bem alto e, modesta a parte, um caralho bem grande e grosso, quase 25 cm. Depois da escola eu passava no motel para comer minha namorada que era uma bela puta ! Adorava foder a buceta dela toda. Porém, ela tinha um melhor amigo, Edmundo, que dizia ser hetero, mas seu geito de garotinha não engava ninguém, com certeza ele era gay. Eu sempre o zuei e ele ficava bem bravo comigo. Ele é um nerd na escola, usa uma franja bem baixa, quase cobrindo os olhos; uma coisa que sempre reparei foi no seu corpo, meu sendo homem, seu rabinho é bem empinado e tem uma aparência bem gostosa, dava até vontade de foder. Como sempre, fui buscar minha namorada na escola, estava doido para fode-la toda, mas foi quando eu descobri que ela não tinha vindo; na hora, fiquei com muita raiva, meu caralho estava até babando de tesão, tinha que foder alguém. Edmundo veio e me condivou para eu ir até sua casa, porque minha namorada ia lá a tarde, eu aceitei. Chegando lá, ele falou que ia tomar banho porque estava soado, fiquei esperando na sala e ele subiu para o banho. Ainda estava com meu caralho ereto e louco para foder, não sei o que estava dando em mim naquele dia; foi quando lembrei da bundinha gostosa do Ed, que me excitou todo, como não tinha mais ninguém lá, comecei a bater uma punheta lá mesmo, pensando nele: Segurei meu pau enorme e comecei a me masturbar, estava bem gostoso, pensava o tempo todo em como deve ser o reguinho do Edmundo. Gozei bastante, mas ainda estava bem excitado e ele ainda não tinha saido do banho, então pensei em espera - lo no quarto, já que lá tem video-game(não era a primeira vez que ia na casa dele.). Subi até o quarto e liguei o video-game, fiquei jogando por um tempo até ver, para mim, a melhor imagem de todas, o Ed estava enrolado na toalha, todo molhado, estava parecendo uma garotinha gostosa, me excitou bastante, mas pensei em fazer nada ainda. Tive que descer para ele se trocar e logo ele desceu também e se sentou ao meu lado; conversarmos por um bom tempo, mas apenas pensava em come - lo. Não aguentava mais, segurei a mão dele e a coloquei sobre meu caralho gigante por cima da calça, para ele sentir o quanto era grosso, ele não falou nada na hora, então eu esfreguei aquela mãozinha ali, ele parecia gostar. Eu sorri bem safado e o "ataquei", joguei meu corpo em cima dele e o beijei, ele me empurrou um pouco e me arranhou, mas logo se entregou ao beijo. Fiquei beijando ele por alguns segundos, até abaixar minha calça e voltar a me sentar no sofá, coloquei meu mastro para fora e puxei com força ele pelos cabelos, fiz ele mamar bem gostoso em minha pica gorda, ele parecia ter nojo, mas coloquei ela até sua gargantinha, fazendo ele se engasgar e cuspir em meu pau, bem gostoso; ele mamou por alguns minutos, até dar o leitinho na boquinha, obriguei ele a engulir tudo: Ele fez cara de nojo e engoliu. Tirei sua camisa e comecei a mamar em seu mamilo, enquanto tirava o shorts pequeno que ele estava; ele falava para eu parar, mas eu continuava, sabia que ele estava gostando; mandei ele ficar de quatro e ele obedeceu, empinou aquela bunda gorda para mim, aquele cuzinho era pequeno e rosado, estava doido para socar meu caralho nele, mas antes, chupei aquele cuzinho, para ele poder aguentar meu pau enorme; deixei ele bem lunbrificado e encaxei a cabeçona do meu pau no cuzinho dele, comecei a empurrar meu caralho lá dentro, estava bem difícil de entrar, era bem apertadinho, mas fiz bastante força para entrar, ele tentava aguentar, mas gemia bem alto, logo aquele rabo gostoso engoliu toda minha pica e comecei a socar ela lá dentro, fazendo um vai e vem violento, sem dó alguma do menino, ele gemia bem alto. Coloquei ele para cavalgar em meu pau e ele o fez, cavalgou com aquela bunda empinada bem direitinho, metia até o talo e provavelmente a bundinha dele estava ardendo, pois estava bem vermelha; depois de um tempo gozei no cuzinho dele, e ele gozou em meu corpo, fiz ele lamber todo o gozo com a língua. Depois disto, continuamos lá, ele não conseguia se sentar, estava doendo muito, dei alguns beijinho no cuzinho dele para ver se parava. Quando minha namorada chegou, comi ela, enquanto chupava o pauzinho do ED, foi bem gostoso. Hoje, como disse, tenho 30 anos, tenho filhos e só me relaciono com mulheres, mas tenho saudades do ED. ;9



Gostou? Então Compartilhe!