RSS contos eroticos

Conto Erotico Final de semana no sítio com dois paus no rabo

depois de uns seis meses de ter conseguido e vir mantendo um caso com vandy, nossos encontros estavam ficando mais difíceis, já que sou bissexual e tinha que dar assistência para minha namorada também. meu caso com vandy era mais para extravasar o stress do dia a dia, mas dessa vez a coisa foi longe. como trabalhamos juntos, inventamos que iríamos para um curso da empresa para nossas mulheres, sim, vandy era casado, mas sempre mantinha orgias com seus subordinados e dessa vez ele escalou dois de seus subordinados para irem conosco num sítio próximo da cidade de onde moramos. no sábado de manhã passei na casa de vandy e fomos para o sítio. cláudio e rodrigo já estavam lá nos aguardando. chegamos e na manhã arrumamos as coisas e por volta das 11:00hs fomos para a piscina e depois almoçamos. logo após o almoço tirei um cochilo e ao acordar e ir para a piscina já me deparo com rodrigo sentado no pau de vandy e rebolando como uma putinha e cláudio, já nu, nadava na piscina. rodrigo gemia e se contorcia com o pau de vandy em seu rabinho, já que vandy tem um pau de uns 22cm e com uma cabeça roliça, quanto a mim e aos outros dois pode-se dizer que estamos na média. meu pau já estava duro dentro da bermuda e resolvi tira-lo e cair na água com cláudio que já veio em minha direção e por baixo da água deu uma chupada em meu pau. sentei na borda da piscina e então puxei ele pela cabeça e trouxe até o meu pau e ele começou a me chupar ali na beirada da piscina enquanto vandy gozava no rabinho de rodrigo. pedi para cláudio sair da água e fomos para dentro da casa e na sala sentei no sofá e claudio já veio sentando em meu pau. seu cuzinho ainda era apertadinho ele piscava muito com meu pau dentro, cheguei a ficar com o pau doendo. enquanto ele sentia minha rola em seu cuzinho, rodrigo entra na sala e começa a chupar seu pau até ele gozar e trancar mais seu cuzinho, que eu tive que arrombar mais ainda para conseguir chegar até o gozo. cláudio estava extasiando sentado no meu colo e rodrigo, depois de beber toda a porra de cláudio, batia com seu pau na cara dele. rodrigo estava com o pau duríssimo e eu para não perder a oportunidade fui me separando de cláudio e me apoiei no sofá deixando meu cuzinho para rodrigo, que antes de meter seu pau nele, deu uma chupadinha no meu buraquinho e no meu saco. assim que ele deixou a entradinha do meu rabo bem molhadinha, ele meteu tudo de uma vez só. sua rola era bem grossa e era do tamanho certo para comer um cuzinho. vandy logo veio se juntar a nós e com a rola meio mole fez cláudio chupa-la até ela endurecer novamente. claudio pelo jeito era novato na coisa e não quis ceder o rabinho para vandy, que não tendo outra alternativa passou a chupar cláudio até que ele ficasse de pau duro e assim comer o cuzinho de vandy. rodrigo bombava forte em meu cuzinho não demorou muito para gozar forte em meu rabinho, enquanto isso cláudio se deliciava com o rabinho de vandy. após esse momento na sala, fomos todos para a piscina relaxar e ficamos assim até por volta de uma 21:00hs, quando vandy propôs que fizéssemos um joguinho de carta entre nós e quem perdesse seria a putinha dos outros três. depois de uma hora de jogo, eu tinha perdido a partida e fomos então todos para o quarto. os três deitaram na cama e tive que chupar o cacete dos três, um por um e depois de chupa-los vandy deu a idéia de fazer uma dupla penetração no meu rabinho, alegando que como ele já me comia a algum tempo e pelo tamanho do pau dele, que eu aguentaria o tranco. a princípio fiquei meio relutante, mas aceitei desde que fosse penetrado por claudio e rodrigo apenas. todos concordaram e então claudio deitou-se e eu fui sentando no pau dele e me curvando sobre seu corpo e rodrigo já veio por trás tentando colocar sua rola em mim. ele tentou colocar a cabeça de seu pau, mas meu rabo não estava laceado suficientemente e ele então passou a colocar dois dedos e eu com o pau de claudio no meu rabo comecei a me contorcer com todo aquele volume em meu cuzinho. assim que ele percebeu que já tinha como colocar o seu pau, rodrigo se preparou e começou a envia-lo devagar. a princípio começou a doer muito meu rabo, mas ele foi até o fim e começou a dar estocadas lentas. claudio também tentava dar umas bombadas, mas tive que pedir para ele parar, pois senão não aguentaria o tranco. vandy viu tudo com seu pau duríssimo e esse resolveu participar da brincadeira fazendo com que eu fosse chupando seu pau enquanto era fodido por outros dois. rodrigo gozou logo no meu rabo e para meu alívio tirou sua rola e então claudio começou a bombar até gozar também e ai é que vandy deixa meu boquete de lado e envia sua tora em meu rabo para completar o serviço. ele socava com força e eu sem energia ainda tentava dar umas reboladinhas com aquele pau gostoso em meu rabo. assim que ele gozou caí na cama e dormi até o dia seguinte, todo fodido e arregaçado, mas satisfeito. acordei de manhã com rodrigo acariciando minha bunda com sua rola e logo de manhã já fui dando o rabinho para ele, que metia gostoso. ainda sentia um pouco de dor por causa da noite passada, mas logo passou e passei a gozar com o seu pau em meu rabo. assim que terminou eu me virei e disse que era a minha vez de experimentar seu rabinho e ele foi logo ficando de quatro para que eu pudesse meter tudo nele. sem cerimônia meti tudo de uma vez e ele deu um gemido alto, chamando a atenção de vandy e claudio que entraram no quarto e foram entrando na transa. claudio foi metendo o pau na boca de rodrigo, enquanto vandy veio por trás e se deitou e eu então sentei em sua rola e fiquei ali numa situação de ter uma rola no cu me arregaçando e com a minha na bundinha de outro. gozamos os quatro loucamente e depois caímos na piscina. demos um tempo para comermos alguma coisa e descansar e já por volta das 14:00hs nossa orgia estava para chegar ao fim, então fomos todos para o quarto e cada um comeu o rabinho do outro, sendo sempre em casal, dando cada um umas bombadas e trocando de rabinho. depois de tudo isso, nos recompomos e arrumamos as coisas para voltar, claro que cada um voltou com uma coisa nova e eu com meu rabo mais largo depois de ter dois paus dentro dele.