RSS contos eroticos

Conto Erotico O Negão do Chat.

Bom como já me apresente antes meu nome é Felipe tenho 22 anos, loiro, 75 kilos, olhos castanhos, 170 de altura, corpo normal, era uma sexta feira mais ou menos na hora do almoço, nossa nesse dia eu estava com um puta de um tesão louco para transar, a ponto de não estar agüentando mais, ai resolvi entrar no chat, conversa vai conversa vem um cara puxou assunto, ele se chamava Andre ter 30 anos, disse que tinha 80 kilos, 189 de altura que era um negão gostoso, putz, logo fiquei louco, eu já estava com tesão depois dessa então não tinha o que me segurasse, conversamos e ele disse que tava afim de comer um garoto, disse que era casado ( eu sei, não seria correto) mais o prazer falou mais alto, disse que tinha que ser no sigilo, eu tbm não sou assumido embora eu só fique com garotos. Ai combinamos ele tinha uma loja aqui num bairro perto da minha casa, sai mais cedo do trabalho fui para casa tomei banho fiquei gostosão, entrei no chat de novo que havia combinado com ele, ele me passou o endereço e me perguntou do que eu estava afim, eu disse do que rolar, e pedi para arrumar a camisinha. Na hora combinado fui ate a loja, ele fechou e fomos para o fundo onde tinha um cômodo com um colchão e tbm tinha um banheiro, Nossa só de ver aquele negão já fiquei louco meu pau tava latejando e meu cuzinho pescando só de imaginar as loucuras. Conversamos um pouco e ele tirou a roupa ficou só de cueca e pediu para mim fazer o mesmo, daí ele veio me pressionou contra a parede e começou a me beijar, o boca gostosa, realmente um negão gostoso, daí ele me pegou pela cintura, eu dei a volta com a perna e ficamos nos beijando, vira e meche ele dava uns tapas na minha bunda, e me chamava de gostosinho ou putinho, o negocio tava bom daí ele me colocou no chão e fiquei de joelho na frente dele, comecei a tirar a cueca dele, foi quando eu levei um susto, nossa o pau do cara tava mole e já tinha uns 18 cm ainda mole, mais não perdi tempo fui logo abocanhando e comecei a mamar feito bezerro, o pau gostoso o do negão ai o trem começou e crescer e ficar duro, olha sem brincadeira deve ter ficado com uns 26 cm e grosso ainda, mais eu chupava, daí ele ficou de joelho e eu de 4, fiquei chupando, ele o Andre ficava forçando minha cabeça contra o pau dele eu ate engasgava, mais tava bom, e como estava, ai ele começou colocar o dedo na minha boca para chupar tbm, ele disse deixa bem molhadinho, obedeci ai ele tirou, e enquanto eu chupava ele, ele começou a colocar o dedo no meu cu, o dedo era grosso, mais tava gostoso, de repente ele coloca o segundo e depois o terceiro, e fica abrindo meu cuzinho. Daí ele diz “Vamos fuder agora” ele me coloca de frango pega a camisinha e disse vai doer um pouquinho meu putinho, eu fiquei quieto e ele começou a roçar o pau na portinha do meu cuzinho, ai ele colocou a cabeçona, o dor que eu senti, eu fui pedir para ele parar ele deu mais um tranco, ai eu gritei de dor mesmo, tava sentindo rasgar, uma dor insuportável, e eletampou minha boca, disse “ assim vai chamar a vizinhança aqui inteira meu putinho”, “ vc não tava querendo pica toma a do negão, e começou a colocar tudo, senti a bolas deles baterem na minha bunda, ai ele ficou um 5 minutos assim, com o pau socado no meu cuzinho, ai ele começou a tirar a Mao da minha boca e me beijou, dizendo “não chora putinho, vc vai agüentar tu vai gostar e vai querer bis” ai devagar ele começou um vai e vem devagar, bem devagar, a dor já tava passando e começou a ficar gostoso, ai ele me botou de ladinho e começo a socar só que mais forte, e começou a lamber minhas orelhar deicar uma marcas de chupada no meu pescoço, e começou a dizer putaria no meu ouvido do tipo “o cuzinho gostoso, que bunda mais linda, queria um viadinho desse todo dia na minha cama, vai minha putinha, a cachorrar que dar de 4 para o negão aqui?” Ele então me colocou de 4 e começo a socar com força mesmo, socava com tudo eu gemia feito puta, não agüentava de tanto prazer meu pau tava duro feito pedra, ele deu uma estoucada forte não agüente gritei e gozei minha porra foi tudo para meu rosto, o como tava ficando cada vez melhor aquilo, ai ele disse vamos voltar para o começo? Ele me pegou no colo, colocou o pau na portinha do meu cuzinho e me baixou com tudo, e começou a me ergue e me abaixar, o delicia, meu rosto tudo com porra e Le lascou um beijo, e disse “ o porra docinha da minha putinha” e socava ate que disse que iria gozar, me coloquei de joelho na frente dele e ele gozou na minha boca encheu meu rosto de porra o que delicia que estava. Fomos para o banheira para um banho rápido foi só quando percebi que estava sentindo algo quente escorrer pelas minha pernas, e foi qnd reparei que ele tava sujo se sangue tbm, coloquei a Mao na minha bunda e vi que estava escorrendo sangue de mim, o negão aregaçou meu rabinho, mais tava bom aquilo depois dessa ainda transei com ele mais algumas vezes, bom galera esse foi um conto real que aconteceu comigo espero que gostem
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.