RSS contos eroticos

Conto Erotico Reconciliando com meu amor.

Às vezes depois de alguns anos morando juntos vendo qualidades e defeitos, vivendo o dia a dia mesmo gostando muito a relação esfria um pouco a chama do amor diminui, mas não se apaga, é neste momento que discussões bobas por motivos fúteis acabam por nos distanciar um pouco mais e foi isto que aconteceu entre eu Jetulio e meu marido Felipe. Estava em casa preparando a janta quando escuto a porta se abrir, Felipe chegou, geralmente quando ele sabe que estou em casa me procura e me da um beijo de “cheguei” e nunca sai de casa sem meu beijo de “volto logo” , porem nesta ultima semana não foi assim, ele chegava e saia sem meu beijo. Continuo cozinhando e escuto uma musica começar a tocar, baixo e vai aumentando ate que reconheço, é a “nossa” musica da primeira vez que dançamos juntos romântico, só de ouvir a musica algo dentro de mim começa a mudar, vem as lembranças o porque eu me encantei por Fell e neste momento sinto suas mãos deslizarem em minha cintura me levar delicadamente para junto do seu corpo e sua voz sussurrar em meu ouvido: _ Me desculpe, por favor, perdoe este idiota que tanto te ama! Meus olhos se enchem de lagrimas, me viro e o beijo, já não agüentava mais aquele clima pesado em casa, o abraço passando a mão em seu pescoço e novamente o beijo muito vários, de levinho, beijão, selinho, de língua. _ Jet sabe que tenho muito ciúmes, é porque te amo, sei que digo sempre que vou mudar e desta vez é para valer se você quiser e me ajudar sei que consigo, todos estes dias te vendo e me obrigando a ficar longe, lutando contra meus sentimentos me mostrou o que eu sei a muito tempo, eu te amo! Não estou sendo um bom marido, deixando as coisas domesticas sobre sua responsabilidade, sei que as vezes sou cabeça dura, não estou sendo companheiro e também andei um pouco irritado e descontando em você, quando percebi tudo isso me achei um total e completo babaca que não esta valorizando a pessoa que tem ao seu lado e te garanto as coisas vão mudar! _ Que bom que você percebeu e sei que também ando muito chato não te dando o apoio que precisa alem de outras coisas quero que nosso relacionamento volte a ser o que era antes na verdade que seja ainda melhor que antes. _ olha o que trouxe para você. _ Um perfume! Obrigado lindo te amo! Hummm cheiroso vou tomar um banho para você sentir como fica em meu corpo me acompanha? _ So se for agora! Desligo todas as panelas e vamos os dois para o banheiro, Fell parece ainda mais lindo com seu corpo bronzeado, forte, cabelo curto social castanho escuro, seus lábios bem feitos grossos são uma delicia de chupar de beijar e de se sentir. Eu sou branco, loiro e magro. Tiro a roupa de Fell beijando cada parte do seu corpo, depois Fell vem tirando a minha roupa fazendo o mesmo, no banho após nos beijarmos muito um ensaboa o outro alisando sem demora o corpo do companheiro depois de enxaguar abaixo e começo um boquete por dias desejado, coloco o cacete de Fell na boca e vou fazendo movimentos de vai e vem, chupo sua cabecinha, acaricio suas bolas e as lambo, volto para seu cacete e focando em chupar a cabeça dele o masturbo com a mão e quando percebo que esta para gozar eu paro subo abraço e beijo seu pescoço, Fell copia meu ato mas apalpando e apertando minha bunda, acaricia a entradinha do meu anus enquanto me chupa. Me leva a loucura e vamos para o quarto. Chegando no quarto Fell me sarra, me beija o pescoço, alisa meu corpo com suas mãos, enquanto me encocha com seu cacete duro na minha bunda, acaricia meus mamilos enquanto fica esfregando seu peito em minhas costas. Meu marido me curva na cama onde busco apoio e me abre a bunda enfia a língua me come com ela deliciosamente, lambe minhas costas, meu saco e volta para meu buraquinho, pega no criado mudo o lubrificante e começa a me dedar enfia seu dedo carinhosamente me levando a loucura, um, dois, três, fazendo movimentos de vai e vem e circulares, digo que já estou pronto para levar sua rola no cu. Fell levanta coloca seu cacete na portinha do meu cu e começa a enfiar, enquanto isso acaricia meu corpo aos poucos vem me trazendo para mais junto do seu corpo enfiando mais e mais seu cacete em mim e quando o sinto todo dentro de mim Fell me levanta, me abraça fazendo com que eu sinta seu corpo quente, seu peito em minhas costas e sussurra em meu ouvido: _ Não sabe o quanto quis fazer isso todos os dias e agora nunca mais deixarei de fazer! Te darei todo carinho que puder e que você merece, você e muito gostoso e muito bom ter você assim juntinho de mim. Aquele corpo quente seus pequenos movimentos de vai e vem, suas palavras me levam a loucura e ainda mais quando Fell desliza suas mãos para meu pau e começa a me masturbar, que delicia que sensação maravilhosa! Não consigo mais controlar e gozo muito afinal alguns dias sem uma foda dessas tem este resultado. Felipe então me inclina novamente e começa a aumentar a velocidade do vai e vem segurando em minha cintura, me mete forte, gostoso meu pau fica duro novamente, e muito bom, mete vigorosamente ate que sinto seu gozo me invadindo. Deitamos na cama e descansamos. Mais tarde vamos a uma pizzaria coloco meu perfume novo e como se fossemos recém namorados ficamos rindo conversando e acariciando um ai outro, na volta nova tranza espetacular como a anterior. Deitado com Felipe em sobre meu corpo deitado em meu peito com seu cacete todo enfiando em mim me dando muito prazer Fell diz: _ Nunca mais deixarei nada me afastar de você porque você é tudo para mim eu te amo! _ Não precisa de ciúmes meu amor não há ninguém neste mundo que me fará mais feliz que você, eu te amo! Autor: Mrpr2
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.