RSS contos eroticos

Conto Erotico SOCANDO A ROLA NO GAROTO AFEMINADO

Tenho 48 anos, um maduro elegante, minha profissão exige que use terno, sou moreno claro, um pouco acima do peso, 173..20 cm de dote e muito bem casado.Moramos em São Paulo, nas férias de julho de 2011 minha esposa pediu para irmos visitar um velho tio dela que a muito tempo não se viam, numa cidade ao Sul de Minas.Chegamos na casa do tio dela numa sexta-feira a noite, era zona rural a casa ficava num sítio. As pessoas residentes ali no sítio logo se aglomeraram para nos dar o bem vindo, eu estava perdido sem conhecer ninguém, mas a cortesia e hospitalidade daquele povo me deixaram bem a vontade. Dentre as primas da minha esposa uma era mãe de um garoto totalmente afeminado, rosto angelical,vestia uma calça jeens apertada onde marcava sua bunda arrebitada. Até então desde a minha existência na face da terra não tinha tido nemhuma experiência com o mesmo sexo. Vou aqui chamar ele de Lucas, sua mãe cordialmente nos convidou para jantar em sua casa, as casas ficavam todas dentro do sítio. Após o jantar Lucas me perguntou se queria conhecer alguns lugares na redondeza embora escuro a luz do carro iria nos auxiliar. Minha esposa recusou-se a ir devido o cansaço da viagem, mas eu na euforia de conhecer a praça da cidade e sua vida noturna aceitei o convite. Por fim só eu e o Lucas saimos do sítio, paramos na praça comemos lanche, e por fim ele me falou de uma cachoeira que sobre a luz do carro seria lindo verificar e ver a paissagem. Rumamos para a cachoeira, descemos do carro deixei as luzes acessa para clarear o terreno e a parte da cachoeira, ecostei na lateral do carro, e o Lucas ficou na minha frente descrevendo o local, no decorrer da conversa encostou sua bunda no meu pau varias vezes, e terminou dando sinal de vida...ficando duro..estranhei eu mesmo..estava ficando com tesão naquela bunda ... Numa certa altura ele encostou e ficou com a bunda apertando meu pau.. eu não sabia o que fazer estava entregue aquela situação... ele se virou olhou pra mim e me disse: Posso sentir seu pau na minha mão? Antes que eu respondese ele alisou, abriu o ziper e colocou pra fora....supsirou..gemeu e se agachou chupando a minha tora como ninguem antes tinha chupado,,fui nas nuvens... Ele pediu para apagar o farol do carro, e apoiado na lataria do carro ele tirou sua calça e arrebitou sua bunda pedindo para eu comer..Nunca tinha comido uma bunda..so bucetas e mais bucetas.. Coloquei a cabeça na entrada do cuzinho..ele suspirou e pediu para colocar devagar, era quase virgem...quem comia ele era um menino que segundo ele tinha um pau pequeno e gozava rapido. Senti meu pau entrando e rasgando aquele cuzinho delicioso,,ele gemia e pedia para acelerar o movimento ,,, depois de uns 15 a 20 minutos socando naquele rabo..avisei ele que estava gozando....quase cai de tamanho gozo...fiquei uma semana no sitio..e comi ele todos os dias....no mato não faltava oportunidades.. Sou hetero casado, mas amei a experìência de comer o garoto afeminado. Deixo meu mail para eventual contato de algum macho com alma de mulher.. maduroelegante@gmail.com



Gostou? Então Compartilhe!