RSS contos eroticos

Conto Erotico Com muito carinho

Chegas de mansinho..., colocas uma perna em cada lado de meu corpo seminu... Percebes, pois é muito fácil ver o plug vermelho enterrado em meu rabinho. Chegas perto de mim com a ponta de seu nariz apenas para sentir o cheiro de cadela que invade o quarto todo. Passas levemente a ponta de sua língua por minha pele...

Percorrendo-me com delicadeza observando minhas reações... Rosto se mexe, o corpo se contrai, as pernas se ajuntam... Percorres e descobres minhas curvas, meu corpo me entrega deixando-a perceber o tesão que me toma... Você ri mansamente... Diverte-se com o resultado em meu corpo. Retiras meu cabelo q encobre meu pescoço e nuca tocando-o de leve com a boca sentindo meu cheiro... minha pele...

Voltas mansamente às costas..., percorrendo-a toda, de cima até o início do bumbum, dos lados, a parte lateral... Lambe, lambe, morde, lambe, fica nessa tortuosa e deliciosa sensação... Por um tempo... Desce... Observando a curva do bumbum. Percorrendo-a com a boca de leve, indo e vindo, descendo..., pernas... , coxas..., parte interna das coxas se deliciando com meu corpo se contorcendo de prazer ao mesmo tempo em que tento desviar de sua boca quero mais em mim, desces... , chegas aos meus pés..., brinca de leve com sua boca neles..., dedos..., entre os dedos..., deliciaaaa .. *rs*..., gostando de ser usada putinha?

Vira-me agora eu de barriga para cima, você no chão pega minhas mãos e prende na cabeceira da cama me deixando quase imóvel... Meu cuzinho cheio... , indefesa. Chegas bem perto de minha boca, mas não me beija apenas me observa calada, com um discreto sorriso nos lábios de contentamento...
Gostas? Me pede, meu corpo todo vibra com você, com sua boca perto de mim suas mãos a me percorrer a pele quente, quase suada, desejosa...

Lambes meu colo, mordiscas de leve meu peito, o colocas todo em sua boca sedenta, eu gemo alto, me contorço inteira, você devagar desce..., barriga..., umbigo..., sobe..., seios..., pescoço..., fica nessa tortura enquanto me procuras com seus dedos...meu sexo já molhado o encontras, dedilhas meu grelo devagar bem devagar... enquanto um seio meu ainda está em sua boca sendo mordida usada, completamente sua... desce sua boca em meu monte de vênus o percorrendo devagar, mansamente eu me contorço, gemo, quase grito você sediverte enfias um dedinho na minha buceta e lambe meu grelo com vontade me abocanha toda em sua boca eu tento escapar em vão.

Tesão, arrepio, gemidos, sussurros, e você ali me possuindo descobrindo meus segredos rebolo em sua boca alternando o ritmo e a força enquanto você me fode com 1 dedo, depois 2, com força, soca, me invade, me toma e me chupa..., chupa.., meu mel escorre, buceta, perna e vai molhar o cuzinho... você desce com sua língua e o lambe... tenta o invadir devagar, mansamente enquanto sua outra mão dedilha meu grelo eu já louca de tesão gemo e sussurro sem parar, rebolo cada vez mais mais e sem demorar tremo toda..., gozo em seus dedos e boca , quase desfaleço...

Você só deixa meu sexo depois que meu corpo se acalma... sobe... Me da um longo beijo, solta meus braços se aninha ao meu lado... Quando depois de recuperar meu corpo..., retribuo em seu corpo sexo boca o carinho desmedido feito em mim.