RSS contos eroticos

Conto Erotico Comendo a mulher do amigo

Meu nome é alexandre, sou moreno claro 25 anos, 1,75m, 90kg, o que passo a relatar é veridico e aconteceu há uns dois anos, cláudio é um colega de trabalho e pelo fato de gostarmos muito de carros tunados nos tornamos amigos, ele é casado com renata, 28 anos, morena, olhos verdes, 1,70m, cabelo curto (no queixo), pernas grossas, bunda grande e empinada (o que adoro, sou realmente tarado por bundas), bom, vamos ao fato, certa vez cláudio me convidou pro aniversário de renata em sua casa, seria algo simples, para poucas pessoas, mas muita cerveja, ao fim da festa so restavam quatro pessoas, além do casal, eu e um amigo deles, cláudio estava dando atenção ao amigo e eu conversando com renata assuntos em geral, lá pelas tantas surge o assunto sexo, notei que renata ja estava um pouco alta, comigo e com os outros não era diferente, ela me confidênciou que ja tinha transado com mulheres, isso me deixou de pau duro na hora, disse que ja tinha inclusive namorado uma mulher, fiquei louco com aquele relato e meu pau latejava dentro da calça, o amigo do casal foi embora, e cláudio acabou dormindo, ficamos eu e renata conversando enquanto ela lavava alguns pratos, fiquei numa bringa interna se tentava algo ou não, ela percebeu e perguntou:
-o que você ta pensando em fazer? foi quando agarrei ela por trás, ela me empurrou e disse que isso não tava certo, que o cláudio gostava muito de mim e não merecia isso, falei pra ela que tava com muito tesão e que tava louco pra comer sua buceta, ela ficou pensativa mas resistiu, então fui dormir, no outro dia acordo com uma puta ressaca moral, e a chamo pra conversar, peço a ela que me prometa nunca falar pro cláudio, e que ela também tinha culpa pelo fato de me falar intimidades suas, tudo resolvido. depois de alguns semanas nos reencontramos para um churrasco da empresa, no fim da festa cláudio ja estava bem embriagado e dorme no banco de trás, renata que estava um pouco alcolizada me puxa e diz: - se você quiser, hoje também quero. fiquei louco, pensei: a culpa ja não é minha, mas nesse dia me controlei, falamos por telefone, eu tocando uma bronha ela tocando uma siririca do outro lado da linha, gozamos gostoso e falamos que não ia passar disso, doce engano, no outro encontro em um forró bebemos e fomos para minha casa, cláudio como sempre exagera e cai bebado na minha cama, dormiriamos os três no meu quarto, ja que moro com meus pais e a casa é pequena, renata deita e tenta dormir, coloco um filme pornô no dvd e começo a acariciar suas coxas e bunda, ela se mostra excitada mas pede pra que eu pare, eu falo: -tudo bem. mas saco meu pau pra fora da calça e começo a me masturbar, ela so observa mordendo os lábios, e diz: -por favor, para. continuo o vai vem gostoso, ela não resiste e segura meu pau com as duas mãos, e passa a lingua na cabeça, vou ao delirio, a sensação do perigo pelo marido dela estar ao lado dormindo so aumenta nosso tesão, ela chupa com gosto, lambe o saco, e me punheta de vez em quando olhando para trás para ver se o marido dormia, não podiamos tirar a roupa porque era arriscado, mas ela usava um vestido o que facilitou bastante, falo pra ela: - agora é minha vez de provar essa xoxota gostosa, - simmmm, chupa minha bucetinha vai. meti dois dedos em sua xana enquanto chupava seu grelinho, ela ia a loucura, pedi pra que ela ficasse de quatro, ela obedeceu e meti em sua buceta que ja pingava de molhada, ela começa a gemer e eu coloco a mão em sua boca, pois podia acordar não só o cláudio mas também meus pais, ela pede: -deixa eu sentar nesse cacete. posiciono meu pau e ela encaixa sua xana, começa cavalgando lentamente, mas depois aumenta a velocidade, fala no meu ouvido baixinho que ta gozando, ja não aguentando mais falo que vou gozar, ela imediatamente sai de cima e me masturba mirando o jato em sua boca, lanço uns três jatos de porra em sua boca, ela faz uma carinha de safada e engole tudo. depois disso, resolvemos não nos arriscar mais dessa forma, e sempre que podemos vamos a um motel.
vocês mulheres que quiserem trocar experiências é so me escrever ou adicionar no msn: alexandre_eros@hotmail.com