RSS contos eroticos

Conto Erotico Estagiaria deu a bundinha para mim

Sou gestor de uma empresa e mês passado, por corte de despesas, demiti 10 pessoas, dentre as quais a estagiaria Flavinha. Flavinha uma menina de 20 anos, recatada, com uma bunda de 108 cm, sensual, 1,60 de altura. Acontece que Flavinha no dia da rescisão veio falar comigo. Disse que faria qualquer coisa para permanecer na empresa. Estava sozinho no meu escritório, era hora do almoço, e olhando firme nos olhos dela disse: Flavinha sou tarado na sua bunda e, se você quiser adoraria comer esse seu rabo, claro que assim você não perde o emprego. Ela ficou espantada, começou a chorar, e a tremer, parecia que ia desmaiar. Sem olhar ela disse que isso era assédio que ia me denunciar. lembrei que estavamos sozinhos, que negaria tudo e ainda provaria que ela era incompetente. Segurei o seu braço e coloquei a mão dela sobre o meu pau, estava bem duro, ela quis tirar, mas dei lhe um tapão e gritei segura sua puta, vai tira para fora meu pau e chupa. Ela foi obediente, tremendo, chorando, mas abriu o ziper, afastou a cueca e segurando meu pau foi beijando sem jeito,com nojo, forcei e ela engasgou. Segurei a cabeça dela, ela estava de joelho, e comecei a fuder aquela boquinha gostosa. Para não gozar tirei o pau da boca e levantei ela, ela vistia um vestido florido, levantei e vi que usava uma calçola branca de algodão. Virei ela de costa, coloquei ela no braço da poltrona, e sem reação dela, que só chorava e tremia, fui lambendo a xoxota encharcada, bem peluda, massageando o grelo, que era bem grande. Ela foi relaxando e quando vi que estava excitada dei umas palmadas e abri as nadegas e vi aquela maravilha, uma anelzinho, rosinha, pregas perfeitas. Ela dizia baixinho para por favor, não , não faz isso comigo, mas bem lubrificado com o liquido que escorria da bucetinha, uma baba esbranquiçada, fui forçando e a cabeça entrou, ela se contraiu e deu berro, mas pesei sobre ela e enfiei tudo. Ficamos ali agarrados, aos poucos fui comendo, ela choramingava, arfava, e, ao mesmo tempo, massageava o grelo dela, assim, tirei o cabaço daquele cuzinho e, inesperadamente, fiz ela gozar e, instintivamente, forçou o quadril para tras. Beijando sua nuca, mordendo, fui bombando, e massagendo o grelo dela, nisso ela já estava doida de tesão, e acabou gozando ficando com as pernas moles, trocando o choro por um gemido. Gozei no cuzinho e ela depois gozar umas 4 vezes, ela se soltou ficando jogada na poltrona. Meu pau tinha saido com um pouco de merda, limpei, sem ela ver. Consolei ela, fiz muitos carinhos, e disse no ouvidinho dela que estava recontratada e , melhor , promovida, agora era minha assistente. Assistente do prazer. Agora, ela sabe que seu cuzinho é meu, ainda melhor, ela é virgem e noiva. Estou querendo que ela aprenda a mamar meu pau, ainda não deu certo, ela engasga facil e prefere dar o cu, acabou viciando, porque goza muito dando o rabo para mim.
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.