RSS contos eroticos

Conto Erotico Mulher de melhor amigo!

O que contarei aqui, eh um relato viridico...
meu nome, eh murilo, tenho 21 anos, hoje sou comerciante.
estou noivo, e em breve me casarei... a uns 2 meses atras comecei a ler contos, e quis deixar aqui, uma experiencia minha.
a 3 anos atras, conheci atraves de um amigo meu, uma garota chamada fany. loira, +ou- 1,65, um rosto muito perfeito, corpo, bunito, e de uma simpatia enorme.
esse meu amigo, me apresentou ela, como se fosse amiga dele(mais pra frente eu descobriria que eles eram namorados). nossa amizade comecou a crescer muito, eu fany, e esse meu amigo (prefiro nao dizer o nome dele, pois ate hoje ele nao sabe do que contarei aqui).
saiamos sempre juntos, nos tres... baladas, shows, ou ate mesmo so pra comer um lanche e conversar, coisas banais..
depois de algum tempo, comecei a perceber que fany, gostava muito de conversar assuntos, sobre sexo, assuntos picantes... e entramos nesse assunto, por varias vezes... mas nada demais aconteceu entre mim e ela.
em uma certa sexta feira, da vida... como era de costume, ela ligava pra ele, chamando pra sair, e ele ligava pra mim, perguntando se eu tbem queria ir, e como nao foi diferente aquela vez, saimos os tres juntos. estavamos programados pra ir em uma baladinha aqui mesmo na cidade, e como era de costume, ficamos em um barzinho fazendo uma hora, tomando o chopp e tal. qdo deu a hora de irmos, tivemos uma pessima noticia (pessima ate aquele momento), as entradas estavam esgotadas, ficamos meio pra baixo, e decidimos continuar naquele barzinho mesmo... depois de varias rodadas de chopp, todo mundo ja meio alegre, eis que fany tem uma ideia, mas fica meio encabulada de dizer, depois de insistirmos muito, ela disse que nunca tinha ido em um motel, e que morria de vontade de ir... eu e meu amigo, caimos na risada, ela ficou meio brava, mas nao estavamos rindo dela, e sim por uma garota de 22 anos, nunca ter ido num motel, achamos estranho... mas enfim, concordamos, mas antes de irmo, ficou combinado de nada demais poder acontecer, pois eramos so amigos, e amigos eram pra essas coisas (ta bom, e eu acreditei?)
passamos na casa dela, ela pegou seu biquini, eu passei na minha casa, eram 2 da manha, peguei minha sunga, o meu amigo ja estava de sunga... e fomos.
chegando la, todos meio intimidados, ela principalmente, eu fui o primeiro a tirar minha roupa, coloquei a banheira pra encher, e eles ficaram la, vendo os canais pornos... qdo a banheira ja estava cheia, entramos os 3... e ficamos la, tava ate bem sem graca... foi qdo o meu amigo, teve a ideia de todos nos tirarmos a roupa, fany ficou toda vermelha, mas para o meu espanto, foi a primeira a tirar a roupa... nossa que corpo, ela tinha uma bundinha maravilhosa, bem redondinha, peitos medios... e uma bucetinha depiladinha, e o melhor bem rosadinha... naquele instante fiquei louco, e ela percebeu... ficamos ali, todos os tres pelados dentro da banheira, fany no meio, com os dois machos do lado dela... foi entao que ela comecou a me pegar... eu estava fumando, entao estava olhando para cima, qdo senti a mao dela, em minha coxa... qdo vi, ela estava bjando, meu amigo.. um bjo muito tesudo... na hora fiquei de pau duro, ela comecou a pegar, punhetar ele, lentamente... foi muito bom, mas para minha tristeza, ela pediu pra nos pararmos, pois senao ela nao aguentaria, forcamos um pouco, mas ela nao quis... respeitamos...
na hora de voltar embora, vim eu e ela no banco de tras do carro... eu pedi pra deitar no colo dela, e ela deixou... qdo menos esperava eu desceu ate mim, e me deu um bjo na boca, um bjo delicioso... e me pediu pra ficar quieto... me bjou muito aquele dia, no banco de tras... mas nada aconteceu alem disso.
depois desse dia, nossa relacao se estreitou muito, ficamos intimos, mas muito intimos... foi ai que comecamos a trocar emails, e nesses emails, o tesao comecou a florar, e foi ficando muito bom. ela dizia que sonhava que estava trepando comigo, que acordava no meio da noite, e batia uma pensando em mim... e eu fui ficando doido por ela...
eu passando por tudo aquilo, nao resisti, pedi pra sair com ela, mas so eu e ela... foi qdo que pra minha surpresa, ela disse que estava namorando aquele meu amigo, e ele tinha pedido segredo(ate hoje nao entendo por que disso, segredo).
foi um balde d'agua, afinal o cara era muito meu amigo.
eu simplesmente parei de mandar email pra ela, simplesmente cortei relacoes, ele ate estranhou eu nao querer mais sair com ele, e ela...
passou-se +ou- umas duas semanas, qdo abro minha caixa de entrada do email. e vejo que tem um email dela...
comecei a ler, e fui ficando com um tesao enorme...
ela me dizia "oi, td bem? sei que nao quer mais saber de mim, mas eu preciso te dizer: estou completamente louca pra sair com vc, eu bjo "fulano" e fico pensando que seja vc, morro de tesao, ao lembrar do dia que peguei seu pau duro na banheira, fico imaginando ele dentro de mim".
eu fechei aquele email, sabia que nao era certo, mas um lado forte em mim, mandava eu responder, nao aguentei e respondi, mas nao conseguia dar um fora nela, pelo contrario, chamei ela pra sair... disse que tbem estava doido pra sair com ela...
foi qdo marcamos de irmos acampar, esse meu amigo, e namorado dela, nao estaria naquele feriado, estaria em sao paulo, fazendo um tal curso que o qual nao me lembro.
quinta feira a tarde, e so voltariamos na sexta.
peguei ela na casa dela...
e fomos, no carro indo para serra, eu ja nao me continha, e ela tbem nao... era um tesao absurdo, mas eu nao queria adiantar, queria comer ela gostoso, sem pressa... chegamos no local, armamos barraca, fizemos uma fogueira, tomamos um vinho e comemos miojo..rsrsrs... pois eh...
bom, ficamos em uma pedra conversando, mas ao mesmo tempo, nossos olhos nos comiam, eu pegava ela mordendo a boca, enqto me olhava, ficamos naqueles olhares por um bom tempo, aquilo era muito bom, eu sabia que poderia atacar ela a qqr momento, e que ela cederia, mas nao queria, aquele jogo de olhares estava me dando mais tesao.
fui chegando mais perto dela... passei a mao em seu cabelo, peguei ela pela nuca, e sem dizer nenhuma palavra, aquele bjo veio, como um furacao, nossa que tesao de bjo, uma boca que simplesmente se encaixava perfeitamente na minha. peguei um colxao e coloquei em cima de uma pedra, a vista era maravilhosa, comecamos ali no colxao...
aquela camiseta regata preta dela, comecei a chupar seus peitos... passando a lingua neles, hora chupando com forca, hora lambendo lentamente, ela gemia de tesao, puxava meus cabelos, eu mamava, hora ela me puxava e me dava bjos, bjos loucos...
desci, e comecei a bjar sua barriguinha... como era linda sua barriguinha, que tesao me dava... fui descendo, abri sua calca, tirei ela lentamente... ela estava com uma calcinha linda... tirei ela bem lentamente... comecei a bjar aqueles pesinhos lindos... eram pequenos, bem cuidados, branquinhos... nossa que tesao me da so de lembrar...
fui subindo ate sua bucetinha, comecei a chupar, ela estava toda molhadinha, que gosto marvilhoso... lembro bem, ela adorava me mostrar seu clitoris, e gostava que eu batesse nele com a lingua... como era bom... chupei muito ela aquela dia, ate ela gozar, gozar gostoso, soltando gritinhos, e contraindo toda mosculatura abdominal...
depois desse orgamos ela pediu pra descansar um pouco, e qdo eu menos esperava, subir um cima de mim, e disse q queria um "exagelado", eu nao sabia o que queria dizer... ela disse que me mostraria, foi entao que eu recebi um boquete maravilhoso... como ela sugava, como passava a linguinha na glande do meu pau... aquilo me deixava maluco..
eu disse que gozaria... entao ela pediu pra eu gozar em seus peitos... gozei muito naqueles peitos...
ela se limpou com uma camiseta, pegamos o colxao, colocamos dentro da barraca, e fomos tbem pra dentro dela.
comecamos a nos bjar novamente, e todo aquele tesao foi voltando... qdo ela me pediu pra eu comer ela, de ladinho... ahh como foi bom... ela deitou, com uma das maos, abriu a bunda pra mim, e eu vim por tras, comendo aquela bucetinha... ela gemia muito.. dizia coisas que ue nunca tinha escutando antes na cama...
fomos aumentando o ritmo, ja se escutava aqueles barulhos, de coxa-com-coxa, ela pedia com mais forca, eu fui obedecendo, nosso ritmo foi ficando frenetico, ela abriu as pernas, ainda de lado... eu comecei a masturbar ela, enqto penetreva em sua bucetinha... ela gemia alto, gritava...
era bom demais...
ate que gozamos.... quaaaase juntos, eu um pouquinho depois dela...
ficamos ali, por mais um dia e meio, fizemos muito sexo...
e voltamos... brigamos, ela terminou o namoro... e nunca mais nos falamos...
bom gente, espero que tenham gostado!
aqui nao tem nada de gozada na boca, foda no cu... mas tem sinceridade, uma transa que realmente aconteceu.
abraco a todos!!!