RSS contos eroticos

Conto Erotico NA FESTA

ERA UMA FESTA GRANDE NO SALÃO SOCIAL DO CLUBE TUDO MUITO ORNAMENTADO, MUITA GENTE, VOCÊ CONVERSAVA COM ALGUMAS AMIGAS, BEBENDO UMA BATIDA DE FRUTAS REGADA A VODKA, MAS ESTAVA TÃO DOCINHO QUE NEM PERCEBIA DIREITO O TEOR ALCOÓLICO. DO OUTRO LADO DO SALÃO EU OBSERVAVA, CADA MOVIMENTO, CADA GESTO, TE DESPIA COM MEU OLHAR. NO COMEÇO MINHA INDISCRIÇÃO TE INCOMODOU, MAS AOS POUCOS E SOBRE O EFEITO DO ÁLCOOL, PASSOU A SE ACOSTUMAR E SEMPRE QUE PODIA DESVIAVA O OLHAR PARA CONFERIR SE EU AINDA ESTAVA TE OLHANDO. COM UM POUCO MAIS DE TEMPO, JÁ FAZIA CHARME EM CADA GESTO, DANÇAVA COM EXPRESSÕES SENSUAIS E OLHAVA COM OLHAR MALICIOSO JÁ NA INTENÇÃO DE ME PROVOCAR, SEM CONTAR AS VEZES EM QUE DEIXOU ESCAPAR UMA PISCADA OU ATÉ UM BEIJINHO LANÇADO AO VENTO PARA MIM, QUE SENTI COMO SE FOSSE DE VERDADE. NUM DETERMINADO MOMENTO VOCÊ FOI AO BANHEIRO E AO CHEGAR LÁ SE DEPAROU COM UMA FILA QUILOMÉTRICA. LEMBROU-SE QUE AS CHURRASQUEIRAS DO CLUBE TINHAM BANHEIRO E VOCÊ ESTAVA COM MUITA VONTADE, NÃO DEU OUTRA, CORREU PARA A CHURRASQUEIRA. QUANDO SAIU DO BANHEIRO OUVIU UM PSIU, AS PERNAS TRAVARAM, SABIA QUE ERA EU… A CABEÇA DIZIA PARA CONTINUAR INDO, OLHOU A O REDOR E VIU QUE ESTAVA MUITO LONGE DA FESTA, QUE NÃO ADIANTARIA GRITAR SE FOSSE PRECISO, A UMAS TRÊS CHURRASQUEIRAS DE DISTÂNCIA HAVIA UM CASAL NUM AMASSO LOUCO. AS PERNAS BAMBAS, A CABEÇA INSISTINDO PARA CONTINUAR, MAS O CORPO FICAVA DE TEIMOSO. OUVIU PASSOS E MINHA RESPIRAÇÃO AGORA ESTAVA A ALGUNS CENTÍMETROS DO SEU PESCOÇO, EU CONSEGUIA SENTIR O CHEIRO AGRADÁVEL DO SEU PERFUME. MINHAS MÃOS ENVOLVERAM SEU CORPO NUM ABRAÇO POR TRÁS, JUNTEI NOSSOS CORPOS E PUDE SENTIR AS FORMAS DO SEU CORPO COLADO AO MEU. SUA RESPIRAÇÃO ESTAVA OFEGANTE, SENTIA O DESLIZAR DAS MINHAS MÃOS SOBRE O VESTIDO DE TECIDO PESADO, AQUELE CONTATO DO TECIDO COM SUA PELE, AUMENTOU SUA TESÃO, O CORPO SE ARREPIAVA TODO. SENTIU MINHA BOCA QUENTE BEIJAR SEU PESCOÇO E ISSO FEZ UM CALA FRIO SUBIR POR SUA COLUNA, AS MÃOS BRINCAVAM EM SUA BARRIGA E CHEGUEI A PASSAR UM DEDO NA BORDA DO SEU UMBIGO, O QUE LHE FEZ ESTREMECER E SOLTAR UM GEMIDO MUDO. VOCÊ RETIROU OS CABELOS DO PESCOÇO E ESSE FOI O SINAL PARA EU SABER QUE VOCÊ ESTAVA GOSTANDO, ENTÃO BEIJEI PROFUNDAMENTE SUA NUCA E DESSA VEZ O GEMIDO FOI MAIS ALTO. PASSEI MINHA LÍNGUA NA SUA ORELHA, SUSSURRANDO PALAVRAS DE TESÃO. MINHAS MÃOS APERTAVAM SEU CORPO CONTRA O MEU, E VOCÊ SENTIA O VOLUME POR BAIXO DA MINHA CALÇA. UMA DAS MINHAS MÃOS SUBIU ATÉ SEU SEIO E MASSAGEOU DE FORMA CIRCULAR, O QUE FEZ O BIQUINHO INTUMESCER, E EU APERTÁ-LO CONTRA MEUS DEDOS. EMPINA A BUNDINHA, PRA SENTIR MELHOR A DUREZA DO MEU PAU, MEXE PRA CIMA E PRA BAIXO O CORPO. MINHA OUTRA MÃO COMEÇA A MASSAGEAR SUA XOXOTINHA POR CIMA DO VESTIDO, SINTO COMO ELA ESTÁ QUENTE. UMA DE SUAS MÃOS CORRE PARA TRÁS E COMEÇA A MASSAGEAR MINHA ROLA POR SOBRE A CALÇA, SENTE COMO ESTÁ GRANDE E DURA, SUA BOCA ENCHE DE ÁGUA E JÁ NÃO RESISTE, LOUCA PARA ME BEIJAR E ME SENTIR TODO DENTRO DE TI. ENTÃO VOCÊ SE VIRA E NOS BEIJAMOS PROFUNDAMENTE. TIRO AS ALÇAS DO SEU VESTIDO QUE CORRE PELO SEU CORPO ATÉ OS PÉS. FICA APENAS DE CALCINHA, E PASSO A BEIJAR SEU PESCOÇO, ENQUANTO AS MÃOS CORREM POR SUA PELE MACIA E DÃO UMA BOA PEGADA NA SUA BUNDA, PASSANDO MEU DEDO BEM NO REGUINHO. DEPOIS VOU SUBINDO POR SUAS COSTAS, ENQUANTO A BOCA DESCE ATÉ SEU SEIO, SUGANDO COM SUAVIDADE. VOU TE EMPURRANDO E QUANDO REPARA ESTÁ ENCOSTADA NO BALCÃO. ENTÃO TE SENTO NELE E VOLTO ATE BEIJAR. A PEDRA FRIA TE ARREPIA O CORPO, QUE ACARICIO SUAVEMENTE. MINHA BOCA VOLTA A SUGAR SEUS SEIOS, UM POUCO EM CADA UM. ENQUANTO MINHA MÃO PUXA SUA CALCINHA DE LADO E ACARICIO SUA XOXOTINHA, MASSAGEIO SEU GRELINHO E PENETRO BEM DEVAGAR O DEDINHO NELA. MINHA BOCA JÁ DESCE POR SUA BARRIGA, A LÍNGUA DENTRO DO UMBIGO E DEPOIS MERGULHA DE VEZ NA SUA BOCETINHA, NÃO VOU DIRETAMENTE AO GRELINHO, PASSO A ENFIAR MINHA LÍNGUA DENTRO DA SUA BOCETA, FODENDO ELA COM A LÍNGUA, RODANDO E ROÇANDO A LÍNGUA NAS PAREDES DA SUA VAGINA… RECLINA-SE ENCOSTANDO NA PAREDE E MEXENDO A CINTURA, GEMENDO AGORA ALTO, EMPURRA MINHA CABEÇA CONTRA SEU CORPO, COMO SE QUISESSE ENFIÁ-LA PARA DENTRO E TIRANDO O FÔLEGO. EM POUCO TEMPO EXPLODE NUM GOZO E EM MEIO AOS GEMIDOS DIZ: – ME COME, GOSTOSO…VEM!!! NÃO ME FAÇO DE ROGADO E COLOCO PARA FORA MINHA PICA E VOU ENTERRANDO DEVAGAR DENTRO DE VOCÊ, A CABEÇA FORÇA PASSAGEM E QUANDO PENETRA, VOCÊ DA UM GEMIDINHO. ENQUANTO VOU PENETRANDO CENTÍMETRO, POR CENTÍMETRO… ORA ENFIANDO E ORA TIRANDO UM POUCO, VOCÊ SE ERGUE E ME AJUDA A ME LIVRAR DA CAMISA, ACARICIANDO MEU PEITO E LAMBENDO OS MEUS MAMILOS. AGORA QUE ESTOU TODO DENTRO DE TI, VOU BOMBANDO MINHA ROLA DEVAGAR, ENQUANTO TIRO MINHA CALÇA E CUECA, FICANDO COMPLETAMENTE NU PARA VOCÊ, QUE ME SEGURA PELA CINTURA, DITANDO O RITMO DA NOSSA TRANSA, VOCÊ MEXE, GEME E GOZA NO MEU PAU. DESÇO-TE DO BALCÃO, TERMINO DE TIRAR SUA CALCINHA E SEM SE FAZER DE ROGADA, SE VIRA DE COSTAS PARA MIM, APOIANDO OS BRAÇOS SOBRE O BALCÃO, REBOLA ESSA BUNDINHA, COMO NUM CONVITE. EU MENOS BOBO AINDA, MERGULHO MINHA LÍNGUA ENTRE SUAS NÁDEGAS, LAMBENDO SEU CUZINHO E DEIXANDO ELE BEM LAMBUZADINHO. - ISSO TESÃO, ME LAMBE…HUM… QUE TESÃO… VEM METE…VEM!!! OBEDEÇO DE PROTO E PENETRO SUA XOXOTINHA COM MINHA VARA, DE UMA VEZ SÓ, SEGURANDO VOCÊ PELOS OMBROS, VOU FODENDO ESSA XANA, MOLHADA QUE ME APERTA O PAU: – REBOLA GATINHA, DANÇA NA MINHA ROLA, DANÇA!!! VOCÊ É BEM OBEDIENTE E REBOLA SUA BUNDINHA DE UM LADO PARA O OUTRO, PARA CIMA E PARA BAIXO, SENTE MINHAS MÃOS SEGURAREM SEU CORPO PELA CINTURA E PUXÁ-LO PARA MIM. NESSE MOMENTO COMEÇO A MASSAGEAR SEU CUZINHO COM MEU DEDO E VOU PENETRANDO A PONTINHA DO DEDO NELE, CONCENTRANDO AS CARÍCIAS MAIS NO LADO DE FORA. GOZA MAIS UMA VEZ E SENTE, QUE ESTOU PARA GOZAR POIS MINHA RESPIRAÇÃO FICOU MAIS OFEGANTE E PASSEI A GEMER. SABE QUE NÃO PODE RECEBER ASSIM A PORRA DE UM DESCONHECIDO NA BOCETA, ENTÃO RAPIDAMENTE SE AJOELHA E CHUPA COM FORÇA A CABEÇA DA MINHA PICA, PASSANDO A LÍNGUA POR BAIXO DELA. SUA LÍNGUA MACIA E ÁSPERA AO MESO TEMPO, ME LEVAM AO CÉU E GOZO BEM GOSTOSO NA SUA BOCA, ENCHENDO-A. VOCÊ SENTE O GOSTO DA MINHA PORRA, E POUCO A POUCO VAI ENGOLIDO SEM TIRAR MEU CACETE DA BOCA, VAI CHUPANDO PARA APROVEITAR ATÉ A ÚLTIMA GOTA. DENTRO DE INSTANTES JÁ COMPOSTOS, VOLTAMOS À FESTA COMO SE NADA TIVESSE ACONTECIDO, VOLTA A JUNTAR-SE A SUAS AMIGAS E EU SATISFEITO POSSO A CURTIR MAIS A FESTA, EM BUSCA DE UMA NOVA TRANSA. ESCREVO CONTOS ONLINE PELO SKYPE licbio@hotmail.com

Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.