RSS contos eroticos

Conto Erotico Comi a sobrinha da minha esposa

Sou casado a 2 anos,minha mulher tem 30 anos e temos 1 filha.
ha 3 meses atras uma sobrinha dela de 18 anos veio passar uns dias em casa pois estava brigada com seus pais, ela é uma ninfetinha dona de um rabo maravilhoso, coxas grossas e peitos durinhos.
minha esposa trabalha em um salao de beleza e geralmente chega em casa depois das 22:30, eu geralmente estou em casa a partir das 18:00. quando eu chegava em casa ela ja estava na cozinha fazendo janta,e adorava ve-la rebolando aquele rabao com shortinhos minusculos e tops colados ao corpo.
nesse dia eu precisei trocar a fechadura da porta do banheiro pois ela tinha quebrado a chave la dentro, entao eu cheguei tirei a fechadura e fui jantar, deixando a porta do banheiro sem tranca. depois do jantar pus minha filha pra dormir e fui tomar banho, deixando a porta somente encostada, depois de uns 5 minutos no chuveiro ja de pau duro sonhando com aquele rabo maravilhoso pecebi que ela estava olhando pela fresta da porta, com as maos entre as pernas. fingi que nao a tinha visto e comecei a bater uma punheta, virado em direçao a porta, depois de gozar um rio de porra terminei de me lavar e desliguei o chuveiro, sai do benheiro e ela estava no sofa com amaior cara de tesao, o q me deixou mais louco ainda. pus uma bermuda sem cueca e fiu pra sala, e ela foi tomar banho, dei um tempo e fui espia-la tambem, qual nao foi minha surpresa em ve-la debaixo do chuveiro se masturbando e enfiando os dedos na bucetinha depiladinha e gemendo baixinho, nisso meu pau estava duro como ferro e eu quase nao estava aguentando de tesao. entao ela abriu os olhos e me viu ,fez sinal pra mim ficar onde estava virou o rabao pra mim e começou a rebolar e enfiar os dedor no cu, nao pensei duas vezes e cai de boca naquele rabo maravilhoso e cada enfiada de lingua ela delirava, chupei seu cu e boceta ate ela gozar, entao ela pediu pra mim sair do banheiro. sai desesperado, achando q nao ia come-la. fui para o quarto dela e fiquei esperando na cama,entao ela entra enrolada na toalha dizendo q aquilo nao era certo mas nao podia me deixar daquele jeito, entao caiu de boca no meu cacete e ficou quase meia hora chupando,com aquela boquinha de veludo, achando q eu ia gozar rapido, mas eu disse q so ia gozar no rabo dela, pus ela de 4 e comecei a chupa-la novamente, quando ela ja estava delirando liguei o radio dela no ultim ovolume e encostei a cabeca do pau e fiu forçando lentamente, ela gemia,apertava o travesseiro e pedia pra mim enterrar ate o fim, quando o pau entrou inteiro ela virou uma fera começou a rebolar feito uma louca e pedia ´pra meter fundo, depois de uns 10 minutos metendo naquele rabo nao aguentei e gozei naquele rabo,enchendo aquele cuzinho maravilhoso e porra,sai do quarto tomei outro banho e fui buscar minha mulher. depois dessa noite ainda a comi umas duas vezes mas deixa pra proxima vez...