RSS contos eroticos

Conto Erotico Entre Pedras e Águas Cristalinas

Esse acontecido ocorreu a um certo tempo...mas deixou lembranças. Numa linda manhã de verão, uns amigos e eu marcamos de nos refrescar numa cachoeira que só um dos amigos entre nós conhecia. Éramos 3 mulheres e dois homens. Eu, como sempre estava maravilhosa. de chortinho curto blusa braca com um decote lindo de ziper. O caminho era bem tranquilo e já escutávamos o som da queda d'água. Com calor, tirei a blusa mostrado o meu biquini vermelho de alcinha. Elas riram e depois perderam a vergonha e tiraram tambem. E como sempre, ali no meio sempre tem alguém que se tem mais intimidade. E era justamente o cara que conhecia essa cachoeira de cabo a rabo Rs'' Até então, não tinha intenção de fazer nenhuma sacanagem ali.Afinal, uma amiga minha iria ficar sobrando, e depois, ela ate poderia arrumar algum problema comigo. O lugar era lindo, fascinante mesmo. Tirei o short e fui logo preocurar uma pedra pra ver se achava um lugar que pegasse um solzinho gostoso para que eu pudesse pegar uma marquinha de biquini. Fiquei tentando subir numa pedra quase uns 5 min e eis que veio o meu Colega e segurou no meu quadril e me suspedeu para que eu conseguisse. Agradeci meio sem graça e o notei olhando fixamente para as minhas pernas... Eu subi e sentei na pedra e da altura que eu estava e o jeito que fiquei, acabei ficando com a buceta na direção do rosto dele. Tadinho, ficou vesgo de tanto olhar. Ai, para deixa-lo mais sem graça, virei de costas e fui terminando de subir engatinhando bem empinada, bem devagar. Sabia que ali não podia rolar nada e mesmo assim eu sentia prazer de provoca-lo. Ai ele gritou: -conseguiu Bruna? Tá tudo bem? Eu: -consegui! Quer me ajudar não? Ele: - tô subindo! E lá estava eu deitada na canga com a bunda pro alto olhando pra ele de lado com aquele olhar sarcastico... Ele: -O que quer que eu faça? Eu:-Senta ai e relaxa... é chato ficar sem companhia. Ele:Ta bom. Eu:-Esse lugar é tão bonito. Quem te mostrou aqui a primeira vez? Ele:-Meu pai. Venho aqui desde garoto... Ah, e acho q vc não vai conseguir se bronzear aqui não, o sol ta muito fraco. Eu:-Sei disso. Só vim aqui pra curtir mesmo. Ele:-Você ta muito diferente, te conheci garotinha e já ta esse mulherão... Virei a bunda pra ele e disse: Talvez seja isso que você notou... Ele foi passando a mão nas minhas pernas até chegar na minha bunda... Eu:-Eu sei o que porque você veio aqui em cima. E está com sorte... Rs'' Tirou a parte de baixo do meu biquini e ficou passando o dedo na minha buceta devagarzinho... Seu pau latejava na sunga de tão duro, eu o coloquei pra fora e o abocanhei com vontade. Chupei,dei beijinhos, mordisquei, ate que ele me colocou deitadea, subiu sobre mim e colocou me seio de fora chupado-me com força. Gemi muito e quando estava quase gozando ele foi se aproximando da minha buceta com aquela pica grossa... Hum! Que maravilhoso, fico molhada so de relembrar! já começou me bombando bem forte me fazendo gemer igual a uma louca. Coloquei uma perna no seu ombro e ele se agaixou me beijando e mordendo o meu percoço... -Ah...se cada vez que sentisse tesão em você e pudesse te comer assim você iria viver com essa buceta doida! Ahh! assim eu vou gozar... Tirou aquele pau maravilhoso e quando ia abocanha-lo dinovo ele me repremiu. Fiquei sem entender nada. ai me disse:-Já devem estar nos preocurando, mas eu só saio daqui se comer seu cu! Eu:- Tá maluco? Eu sou muito escandalosa... Ele:-Então vai ficar aqui até amanhã ou vai me dar gostosa? Deitei na canga de lado porque se ficasse de quadro na pedra me machucaria. Ele se aconchegou atrás de mim e foi colocando seu cacete, de inicia doia muito, tava um pouco nervosa.depois ficou bombando tão forte que nossos corpos estalavam um no outro, meu cu ardia de tesão e dor. E quando já estava cozandonovamente e ele apertando meus seios, anunciou o seu gozo. Ai saimos dali, nos banhamos na cachoeira e fomos de encontros aos outros...
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.