RSS contos eroticos

Conto Erotico Entre quatro paredes

Teclando na internet conheci minha namorada linda 33 anos olhos verdes separada com duas filhas, aline de 13 anos e estefani de 10 aninhos,sempre que saiamos ficávamos em meu escritório, um sobrado onde mondei minha loja em um dos quartos, e o resto da casa vazia, dormíamos os três carla e aline e eu nos edredons no chão da sala.no começo eu brincava com ela (aline) de pular no meu colo e eu fazer cócegas nela e passando a mão na bundinha por cima do pijaminha ela começou a gostar e pulava em cima de min e parava esperando eu passar a mão,comecei por cima do pijama e depois por baixo só na bundinha, isto foi na primeira noite. outro dia fomos no apartamento de um parente dela, aline já estava lá com seu pijaminha ela me viu e veio correndo pulando no meu colo e subindo de cavalinho todos estavam na cozinha e eu foi para a sala passando a mão na bucetinha dela pelas minhas costas até chegar no sofá coloquei ela em pe no sofá e sentei ela começou a pular em cima de mim nesta hora não agüentei e puxei sua calça e fui olhar sua bucetinha carequinha passava a mão abria e olha dentro via o seu grelinho mesmo nesta idade já estava molhada , conforme eu brincava ela escondia o rosto com as mãos até a hora que eu ouvi barulho vindo do quarto,eu apeguei nos braços e a soltei no sofá. outra noite estávamos no escritório deitados no colchão a sua mãe foi tomar banho e ficamos nos dois de baixo das cobertas comecei a passar a mão por cima do pijama depois abaixei as calças dela ate os joelhos e comecei a brincar por cima da calcinha, certa hora puxei a calcinha de lado e enviei o dedo, já estava molhado o que me surpreendeu foi que ela pegou minha mão e puxou com força para dentro dela esta brincadeira demorou pouco mais de 10 minutos, foi o suficiente para eu ficar louco e descontar tudo na mãe dela.quando amanheceu, sua mãe foi até a padaria e nos dois começamos a putaria só que desta vez foi um grau a mais,quando estávamos no passa passa eu entrei de baixo das cobertas e abaixei suas calças e a calcinha ate o joelho deixando ela nua da cintura para baixo então enfiei um dedo na bucetinha e outro no cuzinho, o lindo era ela cobrir os olhos com as mãos ,quando sua mãe chegou ficou o mais estranho,ela (sua mãe) sentou do lado de fora das cobertas eu e sua filha ficamos debaixo das cobertas,eu estava coberto até o ombro deitado de lado conversando de frente com a sua mãe, fiquei com a mão para trás só pincelando ela, foi muito louco a sua mãe não via nada, ela se virava de lado par eu poder passar a mão, deve uma hora que eu assustei, ela veio por trás e começou a beijar minhas costas e com a sua mãozinha começou a entrar dentro da minha cueca até achar o meu pau ela o pegou balançou um pouco e depois tirou a mão.depois disso passei uma semana com remorso um conflito interno sobre certo ou errado razão ou tesão. em uma outra oportunidade em que ficamos do mesmo jeito, só que ela no meio eu conversando com a sua mãe e ela embaixo das cobertas só que de frente para min eu passando a mão nela tirando a sua calcinha e eu só na mão, quando para meu espanto ela pega minha mão coloca com força na sua bucetinha e começa puxar meu pau para fora começa a brincar ela mesmo abaixa a calçinha e envia meu pau na sua entradinha só pincelando coloca sua perna em cima da minha força um pouco e depois vira de lado para eu poder roçar sua bundinha , nesta hora não agüentei e gozei, vocês não sabem o sacrifício para sair debaixo das cobertas todo gozado e sua mãe não perceber,foi direto ao banheiro tomar banho.teve uma festa de final de ano em um clube de campo certa hora saímos os três para andar nas trilhas no meio do mato, eu já estava alto, carla ia na frente e eu e aline atrás eu segurava na mão dela e passava no meu pau por cima do short, conforme sua mãe se distanciava eu abusava mais e ela quietinha fazia na boa, voltamos para o quiosque e nos despedimos de todos ela veio sozinha no carro falar comigo, dize que quando chegarmos no escritório ela queria namorar comigo,chegamos ela e sua mãe foram tomar banho juntas, comecei a arrumar nosso canto com os edredons já estava debaixo das cobertas só de cueca quando ela sai do banheiro de calça de agasalho vem correndo para o meu lado e entra debaixo das cobertas comecei com um beijo de língua em sua boquinha, depois a baixei sua calça e comecei a enviar o dedo em sua grutinha linda e cheirosa tirei o pau para fora e foi de encontra a sua bucetinha coloquei bem entre suas pernas e comecei o vai e vem eu estava deitado de lado passando o pau peu seu meinho bem abraçados com uma mão eu a puxava para mim e com a outra ficava alisando seu cuzinho lisinho depois firamos eu de costas para o chão e ela por cima até a hora que não agüentei e gozei em cima dela , ela levantou a calcinha e a calça e foi em direção ao banheiro.teve um fim de semana em que fomos a praia, ela de piquini era uma coisa linda de se ver amarelinho tava para ver sua rachinha e como sempre, um dia lindo sem problemas ficamos na praia na parte de manhã a tarde fomos embora chegando no escritório sua mãe foi tomar banho eu só de short e ela de pequenino amarelinho começamos a nossa farra ela vinha por cima e se esfregava por cima do meu short , passava a mão no meu pau e o dirava para fora para ver ele ficando duro,ai eu começava passando a mão em sua chaninha por fora e puxava a calcinha de lado, chegou o ponto que ela ficou deitada eu direi sua calcinha e comecei a chupar a chaninha, ainda bem que sua mãe acabou o banho, se não eu iria cometer uma loucura neste dia,imagine um menina de 10 aninhos olhos verdes um corpinho lindo uma bundinha lisinha e maravilhosa, outro dia em um programinha social no apartamento de um amigo eu a levei ao plea grond do prédio só nos dois eu comecei a emburrar no balanço e pela primeira vez começamos a conversar sobre isso, ela disse que não queria mais brincar assim eu disse que só ficaria no passa passa e que eu lhe daria dinheiro, foi ai que ela me disse que se eu oferece se dinheiro para a stefani ela faria as mesmas coisas comigo. agora o que não me sai da cabeça é poder tirar uma casquinha com a irmã dela só de 13 aninhos morena magrinha com os peitinhos durinhos e uma bundinha bem firme e gostosinha, deve uma noite que eu até tendei puxar seu short do pijama a noite mas ela tornou a levantar não sei se estava dormindo ou acordada, a ultima que eu aprontei foi em uma noite em que ela estava mexendo nas minhas cavedas e achou um pacote de camisinha e me perguntou o que era aquilo eu disse que depois lhe explicaria por que na hora tinha muita gente do lado, quando ficamos sozinhos eu a chamei para o lado do sofá e lhe disse que lhe mostraria como que faz, abaixei minha calça de moletom comecei a colocar a camisinha no pau e a bater uma punheta ela veio do meu lado e ficou olhando muito curiosa, toda esta historia esta acontecendo nestes últimos três meses.se vocês souberem de alguma historia igual a esta , me mandem : engenheiro64-fotos@yahoo.com.br