RSS contos eroticos

Conto Erotico Eu, papai e a cartela de dramin

Olá. Tenho 29 anos e moro com meus pais e minha irmã. Meu pai não é do tipo que chama a atençao. Já é um senhor, com 70 e poucos anos, grisalho e gordinho. O fato em si talves tenha acontecido pelo fato de eu estar a um bom tempo sem ao menos ver um outro pau que não seja o meu ou de homens nus na internet. Acho que o unico motivo de eu nao ter esquecido como é um pau, é por que eu tenho, se nao tivesse, nao lembraria. minha mae toma conta de minha avo e quase sempre dorme na casa dela. Apesar de adorar contos de incesto entre pai e filho, nao conseguia nem imaginar na onde as consequencias chegariam. Eu sempre tenho a mania de fazer vitaminas a noite, e um belo dia, eu estava determinado que beberia toda a porra do meu pai. Nao importa que ele fosse gordinho ou que já tivessa com a idade passada. Eu precisava beber a gala de mais alguem que não fosse a minha. Sim, é verdade, eu gosto de engolir. mas claro que tem que saber muito bem de quem vamos fazer isso… Bem, eu estava determinado a aquela noite, realizar meu 'sonho', ou pelo menos, fazer com que o desejo de engolir porra de outro homem, fosse sanado. Fiz duas vitaminas, sem ele ver. A minha normal, e a dele com uma cartela de dramim. Ambos bebemos, e ele até repetiu. Isso era por volta das 19 horas. Lá pelas 22 horas, fui dar uma 'ronda' pela casa, para ver a situação. minha irma estava com a tv do quarto dela desligada, e minha mae estava na minha avo. só faltava chegar o 'produtor de leite'(kkk). o quarto estava em silencio, eu entrei, tremendo todo! fiquei pensando em o que eu falaria, qando eu o chama-se, e já tinha a resposta na ponta da lingua. se por um motivo, ele estivesse acordado, eu diria que ouvi ele me chamando lá do meu quarto! Bem, entrei, tremendo todo… chamei ele: Papai! ... o silencio pairava no ar papai! o senhor esta acordado? o homem até roncava… para ter certeza: papai, esta me ouvindo? roooooooonnccc! com a mao mais tremola que nao sei o que comecei a tatear seu corpo, pois nao tinha como acender a luz. eis que, sinto o que tanto procuro! e ele roncando…. com cuidado, tirei a manta que cobria, ele dormia de camiseta e cueca, e por sorte minha, estava de barriga para cima! tirei a manta, e eu continuava a tremer. com cuidado passei a mao em seu pau, que eu pude sentir que era pequeno, e, confesso para voces, que isso pra mim nao é problema, claro que ver paus enormes na internet excita a gente, mas na real, nao ligo pra isso, de verdade! ele roncando e eu tentando tirar sua cueca, e com muito custo, consegui abaixa-la até a uma altura que nao o encomodaria e me daria livre acesso ao meu (seu) 'playground'. a primeira coisa que fiz, foi segurar aquele pau murchinho. e ele continuava a roncar. comecei a passar as maos nas bolas, e cheguei mais perto. o cheirinho caracteristico exalava no quarto, e nao aguentei de vontade por muito tempo, e coloquei tudo o que pude em minha boca. e passava a lingua na cabeça, no seu canal, e em pouco tempo, senti seu pau ganhando vida! e eu chupando, alegre e feliz, e a todo momento, notando sua respiraçao e seu ronco. o pau dele estava duro! e eu chupava como uma criança, realizando o meu desejo de ter um pau na boca! chupei, chupei, chupei e ele continuava a roncar. de repente ele deu uma respirada forte, e eu continue a sugar, ele gozou em minha boca, tres ou quatro jatos, e continuava a dormir… continue chupar seu pau até amolecer, vesti sua cueca, e o cobri. No outro dia ele acordou normal, e até hoje, ele nao sabe de nada o que aconteceu!
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.