RSS contos eroticos

Conto Erotico Meu irmãozinho querido, meu amor

Tomei coragem e vim contar-lhes sobre minha maior intimidade... eu e meu irmão... não vou me identificar nem meu irmão, vou usar nomes fictícios... Mas bem, me chamo entao Marina, sou loira com olhos verde escuros, um tanto baixinha com meus 1,67m, bronzeada com um corpo muito bom, magra, seios grandes e uma bundinha redondinha e firme. Tudo começou há 3 anos, eu com os meus 18 aninhos e meu irmão com os seus 16 anos, durante férias de Julho, meus pais ficaram duas semanas inteiras fora e como eu ja era maior de idade, poderia ficar cuidando do meu irmãozinho em casa. Uma noite, estavamos em casa e era lá para as 3 da madrugada, eu fui até a cozinha beber alguma coisa pois estava morta de sede. Ao voltar, passei pela porta do quarto do meu irmão, que é no caminho para o meu quarto... A porta estava entreaberta e só a luz da cabeceira e do monitor do computador estavam ligadas, ia entrar para falar que era tarde, quando um pouco antes de abrir a porta, ouvi um leve gemido... entao abri devagarinho a porta para ver o que se passava... quando vi que ele estava se masturbando com um video porno na tela. Não foi isso que me surpreendeu, mas sim o pau dele. Era enorme!!! Gigantesco!!! Sua mão subia e descia muito para percorrer todo aquele monstro.. e era muito grosso, com até umas duas veias saltadas de tão grande que era! Nunca imaginei um pau daquele tamanho, meus namorados anteriores tinham paus razoavelmente pequenos... até bem finos... mas aquele era único, enorme, longo, grosso... um pau de verdade. Jamais imaginaria até aquela hora, sentir tesão do meu próprio irmão... mas ao ver aquele mastro enorme, subiu um fogo em mim... Queria pular em cima na hora! Mas me segurei e voltei pro meu quarto, enlouquecida por aquele monstro. No meu quarto, logo que cheguei tirei minhas roupas e comecei a me masturbar pensando naquilo, cheguei a por 3 dedos dentro da minha rachinha, quando pensei "não deve ser nem metade daquilo!". De repente, enquanto me masturbava, notei algo na porta que não estava totalmente fechada, olhei e vi um vulto recuar para o corredor, corri e abri a porta quando vi meu irmão, totalmente pelado e com uma mão no pau! Então vi que ele se deliciava com a visão de eu me masturbando... Então o chamei:-"Lucas ( nome fictício ), vem aqui!" Ele entrou no meu quarto, eu fechei a porta e logo ele veio falando: -"Desculpa Mari, eu..." e antes que ele terminasse a frase, pus o dedo em sua boca e fiz com que fizesse silencio... Sem pensar duas vezes, o abracei e dei um selinho nele, e nisso o pau dele deu um salto, batendo na minha barriga e quase alcancando meus seios. Ele é mais alto que eu, tem 1,75m, é bem forte e tem um corpo esculpido, também loiro de olhos verdes. Mas jamais imaginei que um pau fosse tão grande a esse ponto. Então provoquei um pouco: -"senta aqui na cama comigo, vc pode me olhar enquanto me masturbo e se quiser, vc tbm se masturba..." e assim fomos nós dois masturbando. De repente, sem hesitar, pos a mão na minha perna e começou a alisa-la. Senti um puta tesao obvio. Quando ele virou e disse: -"Mari, eu sempre pensei em vc, não tem garota como vc, linda e maravilhosa assim... eu te amo" e sem perceber eu disse "eu tbm te amo" e começamos a nos beijar loucamente, quentes como nunca! Então parei e mandei: -"chupa!" e deitei abrindo minhas pernas... Ele logo meteu a lingua na minha rachinha e eu fui a loucura! Gemia alto, sem pudor, segurei a cabeça dele pra ele chupar por um bom tempo! Depois ele levantou e disse: -"Sua vez maninha" e eu me vi encarando aquele monstro. Comecei dando lambidas por ele todo, depois fui para a glande, estava delicioso, mas nao consegui por nem metade pra dentro da minha boca, quando ele disse: -"Deixa eu tentar fazer ir?" e eu fiz que sim... aii nao devia ter feito, ele empurrou minha cabeça e a força eu acabei pondo quase todo pra dentro... ja engasgava com aquele mastro, quando sai e disse: -"Não da pra ir tudo nao... quase morro com isso tudo... deixa eu medir pra saber quanto é?" e fomos medir... eram exatos 24cm... meu irmãozinho, de 16 anos, com um cacetão de 24cm... Então, joguei-o na cama, subi em cima dele beijei ele e disse que o amava... fui sentando devagarzinho se sentindo o colosso entrando... achei que nao ia caber, e disse que nao iamos conseguir... entao ele me puxou pra baixo, entrando tudo numa só estocada... eu gritei de dor e prazer... senti ele me arrombar na hora, eu fiquei imovel... era a melhor sensação do mundo! ele nao bobiou... me jogou pro lado da cama, subiu em pé nela e levantou minhas pernas... outra estocada avassaladora na minha rachinha... e eu amando... ele começou a me comer e ia acelerando... me virou e revirou na cama, metia aquele gigante feroz em mim... era voraz... Virou entao depois e disse: -"Vou comer seu cu" e eu disse que não, pois não aguentaria... mesmo assim, me pos de quatro, segurou forte na minha cintura e encostou a cabeça na porta do meu botão... eu gritei para ele parar... ele virou e disse: -"por favor irma... eu te amo muito, eu quero muito isso" e acabei cedendo... Nunca me arrependi tanto... ele foi metendo mas não dava certo, doia demais... entao ele tirou, mas logo em seguida foi violentamente enfiando tudo de uma só vez... eu não consegui gritar de tanta dor e prazer... só me correu a lagrima pelo rosto... e ele metendo, arrombando meu cuzinho apertado que ele fez até sangrar... Depois voltou a comer minha rachinha... eu disse que ia gozar, ele disse que tbm ia... tive o melhor orgasmo da minha vida com o pau do meu irmão dentro de mim... então ele gozou... mas gozou litros... chegou a transbordar de dentro da minha rachinha... Ele deitou do meu lado... e eu vendo aquela cena, minha vagina toda melada e transbordado porra do meu irmão... nos beijamos mais uma vez... e até nossos pais voltarem, todos os dias, transamos insanamente. Até hoje nós transamos quando da, sempre que estamos sozinhos fazemos sexo... amo o meu irmão, mais que tudo... o considero até meu namorado, mesmo que escondido de todos... Espero que tenham gostado, tomei mta coragem pra contar!!! Beijos fofos! ;*



Gostou? Então Compartilhe!