RSS contos eroticos

Conto Erotico MEU PAI ME ENSINOU parte 1

meu pai me ensinou parte 1

me chamo danielle.18 anos, 170 m. 56 kg, morena clara ,bunda grande e bonita.,cabelos
semi cacheados pretos.
sempre fui muito fogosa ,vi meus pais tansando uma vez , e nunca esqueci ,passei a
sentir desejos por papai, eu tinha na epoca, 12 anos e foi nessa idade que inicie minha
vida sexual, com meu pai.sempre que podia, sentava no colo dele,abraçava e mostrava muito
carinho por ele, mas ele , nem notava ,minhas segundas intenções ,foi quando passei a me
insinuar pra ele, passei a usar shorts curtos e sensuais ,e mamãe reclamava , há mãe ,to
em casa , respondia eu.um fogo me queimava,eu ,12 anos,com desejos de mulher , meu pai
estava no sofá vendo tv, cheguei perto dele e deitei no sofá e coloquei a cabeça na sua
coxa e ficamos vendo tv, ae , subi mais um pouco e pousei minha cabeça bem em cim do seu
pau , e ele acariciava meus cabelos,sentia o volume do seu pau, na minha orelha, ele
perguntou, filha,vc ja tem namoradinho?
eu ri, disse que um carinha do colegio me mandava cartas, mas nunca tinha namorado,
beijado alguem, e ele me aconselhou a tomar cuidados com os moleques,que eles gostam de
aproveitar de meninas novinhas.falei, pai, eu sei me cuidar , viu !!
senti o volume do seu pau, cresceu e eu ameii , mas ele , pediu licença e saiu.
e fiquei só ali, meio frustada.(mais tarde ele me falou que foi bater uma no banheiro)
dias passaram e o meu fogo continuava. eu ansiosa pra ver ele voltar do trabalho,
chegou e eu fui logo recepciona-lo ,dando um abraço forte, te amo ,pai, falei.
eu também, retrucou ele . depois, na sala, perguntei, pai, é dificil dirigir carro?
não filha , super facil. _pai, me ensina a dirigir, _filha,vc não tem idade ainda,disse ele
há pai, me ensina, eu vou no seu colo . e pra minha surpreza,ele concordou, amanhã te
ensino, ta bom. fiquei tão feliz, que dei um beijo bem gostoso ,em seu rosto.
no outro dia,depois do trabalho,cobrei ele,como ele tinha que voltar a cidade,falou
pra minha mãe que eu ia com ele,dar uma volta na cidade.saimos e ele me levou pra uma
região de sitios,onde tinha pouco movimento de carros, parou e disse ,vem, senta aqui no
colo do papai, pra vc aprender a dirigir ,ao que num pulo , sentei em seu colo,no que senti
seu pau duro,sentei ele me ajeitou direitinho e eu sentia aquele pau grande encostado em
mim. o carro se movimentou e eu delirava, segurando o volante e sentindo ele me encoxar.
sentia ele cheirar meus cabelos e casualmente, tocava meus pequenos seios.ameiii ,começei
a mexer a bunda,esfregando mais no seu pau, ele cheirava meus cabelos , segurava minha
barriga , senti ele passar a lingua atras da minha orelha, tremi todinha.há, foi muito
bom.andamos uns 5 km, ele parou e disse, ta bom, outro dia , teremos outra aula,vc dirige
muito bem.saí de cima dele e notei, o tamanho do seu pau,no que ele disfarçou.
voltamos pra cidade,ele fez o que tinha que fazer e retornamos pra casa,a noite,vesti
uma camisolinha bem sex ,e cheguei na sala, ele vendo tv , deitei a cabeça no seu colo
como de costume e ja senti ele crescer, quando meu pai,falou, amei te ensinar a dirigir.
era sexta,sabado ele não trabalha ,no outro dia, dany, vamos ter outra aula ? claro pai,
agora mesmo,inventamos algo pra minha mãe e saimos, no que ele falou,que eu não deveria
contar pra ninguem ,sobre as aulas ,particulares,sei pai, ja sou moçinha,sei das coisas.
fui ao quarto, vesti uma saia curta . e resolvi ir sem calcinha.
saimos e na estrada deserta, parou e eu fui ao seu colo,senti seu pau duro já,sentei
em cima,ele disse, e saimos com o carro, eu mal prestava atenção na estrada,so sentia o
volume que pressionava minha bunda,de repente ele falou, filha,levante um pouquinho,ta
machucando,levantei a bunda do seu colo e ele ajeitou seu pau, pronto ,então sentei,nossa,
ele colocou o pau, num forma que sentia tocar minha bucetinha ,aee começei a judiar,
esfregava mais forte,tentando disfarçar,mas ele tava gostando.sentia as mãos dele na
minha cintura e me pressionava,ao encontro do seu pau,senti sua lingua em meu pescoço,
delirei,ai, pai,é tão gostoso. ta gostando filha,ta? sim, to sim, no que senti sua mão
subir e acariciar meus seios,delirei.e demonstrava que tava adorando, no que sua mão,
desceu e procurou minha entrada .por baixo da saia,sua mão encontrou minha bucetinha,
sem calcinha,molhadinha , nossa,delirei, quando ele começou a alisar,ate que forçou a
entrada com um dedo, no que eu facilitei, abrindo as pernas ,senti seu dedo, me explorar
quando,ele tomou a direção, com uma mão dirigia e com a outra, me alisava toda.
e eu querendo mais,ele dirigiu ate seu trabalho.que estava proximo, chegamos e saimos.
entramos no escritorio, e ele falou:
filha, é errado isso, não esta certo ,se sua mãe fica sabendo,
eu não vou contar, vc vai,?????e abraçei ele, tentei buscar sua boca, e ele
correspondeu e nossas bocas se uniram num gostoso beijo,e ele me levou pros fundos e
la tinha um sofá ,me deitou,beijando meu corpo todo,começou a tiram minha roupa,no que
facilitei, logo tava nuazinha e ele começou a me chupar ,nossa ,que delicia,ora chupava
e logo seu dedo, era introduzido,eu tremia.gemia,delirava,ao que ele ficou em pé .e tirou
a calça, quando vi, o tamanho,fenomenal.pega filha,sente ele nas mãos,ao que logo foi feito
olhava,que lindo,grande,cheio de veias,não resisti e abocanhei,fazendo um oral ,meio sem
jeito, nunca tinha feito aquilo. foi quando ele novamente me deitou no sofá,abriu minhas
pernas e começou a chupar,e disse:_ filha, vc quer, quer sentir algo mais forte,so farei
se vc pedir,se vc quizer,_claro que quero pai, sempre quiz, foi quando ele direcionou a
cabeça grande ,a minha entrada, deu uma forcadinha,senti dor,quase entrou a cabeça,tentou
de novo , doeu,gemi,_filha, não dá, vc não aguenta uma rola ainda,no que puxei ele,beijei
sua boca. _vai pai, me faz mulher,vai, tava quase entrando.
ele novamente ,poe a cabeça e força,doii .mas digo,_ vai pai, vai, no que ele
força um pouco mais ,quando . aiiiiiii. gritei quando a cabeça dura e grande me encontrou.
pronto , entrou a cabeça ,disse ele, relaxa, abra as pernas ,no que atendi
prontamente,ardia,doia,sentimentos de dor,prazer juntos,e devagar .num vai e vem, ele
colocou mais da metade do seu pau em mim.eu tremia,coloquei a mão no seu pau e senti
ele atolado em mim.ele devagar,num vai e vem,retirou de vez e bateu uma em cima de mim
e me meloou toda.sangrou.mas foi bom,esse dia,não gozei, a primeira vez,,voltamos pra
casa ,e eu procurava disfarçar o andar, porque doia bastante ainda e mamãe nada podia
desconfiar. foi otimo,assim,eu e papai tinhamos um segredinho e nossa vida se tornou
muito boa.
relato no proximo conto ,outras experiencias com meu pai,e como foi meu primeiro
orgasmos.
aguarde meu pai me ensinou parte 2
bjuss.