RSS contos eroticos

Conto Erotico Trepando com enteadinha parte 1



meu nome e augusto trabalho como representante de vendas,tenho 42 anos bom a dois anos namoro anos uma
lega de trabalho ela é deliciosa,na cama é uma verdadeira puta.bom eu acha que tinha encontrado a felicidade
eu mudei de idéia no dia que conheci sua filha linara de (XX) anos.simplesmente um tesão de menina pernas grossas
peitinhos pequenos e duros boquinha pequena e carnuda e um belo bumbum,esses que nenhuma loira do tchan
conseguira ter.
comecei a freqüentar a casa de roberta (esse é nome da mãe dela).a menina logo se apegou a mim eu sempre com muito tesão por ela.eu sempre tive essa tara por meninas .comecei a ir a casa da roberta sempre que ela não estava e
acabava passando a tarde com a lina ,nessa s tardes eu aproveitava pra tirar uma casquinha da menina.como ela
correr pela casa eu sempre a agarrava e a beijava primeiro no rosto e com o passar dos dias na boca,e olha que
era beijo de língua.
ela adora esse tipo de coisa,nessa época eu já mandava empregada embora mais cedo, pra não ser atrapalha-
da ai a putaria rolava solta era muito beijo,chupões,amassos.no dia em que pedi que ela tira a roupa quase fiquei
louco era menina mais gostosa do mundo a bucetinha não tinha um fio mas era bem gordinha e rosada os peitos
(pequenos como de qualquer menina dessa idade)com os bico duríssimos de tesão.seu corpo tinha as proporções
de uma mulher é uma delicia .pedi que ela peladinha deitase no sofa comecei a alisar aquele, corpo ela ia ficando cada vez mais ofegante mas não tirava os olhos de mim.eu abri suas pernas e comecei a chupar seu grelinho que já estava duro de tanta excitação.minha menina gemia alto,puxava meu cabelo contra sua xana então eu chupava com mais força ate que ela gozou na minha boca.
assim que levantei ela estava vermelha e sem fôlego,sentei ao seu lado fiquei beijando e massageando sua buceta .ela se virou pra mim e disse que adorou e que me amava muito.nessa hora eu abria a calça e lhe mostrei meu cacete duro ela ficou adimirada com a cena(uma menina de nove anos não vê com freqüência um pau de 19cm duro!).perguntei se ela queria pegar.quando ela tocou achei que fosse gozar na hora ela perguntou se não doía eu disse que não,e que quanto mais duro mais gostoso era o carinho.
me levantei fui ate a cozinha,peguei uma lata de leite condessado,e fui ate a sala.ela me olhou rindo quando passei o leite no meu pau,me aproximei e pedi pra ela xupar ela adorou a idéia e começou a passar a língua na cabeça.eu estava enlouquecendo,como ela lambia gostoso.então ela fez força pra engolir o mastro.como ela fica linda pagando boquete.eu estava perto de gozar,disse que ia jogar mais leite na boca dela então gozei litros de porra na sua boquinha.
eu nunca tinha gozado tanto,enquanto ela lambia o resto do meu esperma,lina perguntou se não ia amolecer.falei que a gente tinha que brincar mais,ela respondeu que topava.fomos para cama de roberta que era maior.dei mais umas xupadas na sua xana.então pedi pra ela abrir as pernas,me acomodei em cima dela e comecei a penetra-la.beeem devagar para não machuca-la.ela gemia baixinho mas não pedia para que eu parase.continuei enfiando inpunemente.como ela era apertada,mas finalmente enfie tudo.a bucetinha dela e bem gulosa.
como minhas bolas encostavam no seu cuzinho comecei a bombar devagar no inicio depois acelerei,ela começou a gemer alto como uma gatinha,chamava ela de putinha e socava vara nela.como a buceta dela é gostosa,então a virei de lado pra poder socar mais fundo foi ai que eu não agüentei e gozei dentro dela.continuo na segunda parte