RSS contos eroticos

Conto Erotico Eu, minha namorada e o nosso gayzinho!

Sou a andrea e moro em são paulo. tenho 35 anos, olhos verdes, ruiva, boca grande, seios fartos, bicos rosados, bunda grande,1,64m, 70kg. simplesmente gostosa! sou uma safadinha na cama. sempre tive desejo em sair com uma mulher. só que nunca havia tido coragem em sair com uma. em 2004, conheci eduardo que hoje se tornou meu marido e que por sinal, é um verdadeiro safado. desde o início do nosso namoro,
ele sempre me instigava a um dia sair com uma mulher, mas isso já mais passava pela minha cabeça, apesar de sempre ter tido vontade.
um certo dia, fomos ao motel e estávamos nos curtindo...quando sem querer, passei meu dedo em seu cúzinho, a princípio pensei que ele não havia gostado.mas, para a minha surpresa ele literalmente amou e disse que ama o dedo lá. o eduardo, é pauzudo, moreno, 1,67m, 52kg, bundinha empinada e gulosa.
na boa, fiquei surpresa mas, a partir desse dia...sempre que fazíamos amor, eu colocava os dedos nele e ele sempre gozava e gemia feito uma cadelinha no cio.
passaram-se alguns anos, e a minha vontade, desejo e loucura só aumentavam.
sonhava com o dia em que estaria nos braços de uma mulher e que me entregaria de corpo e alma. e esse meu desejo e vontade, sempre unidos a um misto de loucura e prazer...até que um dia, já estava casada, o eduardo,sempre falando sobre eu sair com uma mulher...um certo dia resolvi por curiosidade entrar numa sala de bate papo. e por coincidência ou acaso do destino, dentre várias mulheres que estavam naquela sala...tinha uma, em especial que, mexeu realmente comigo. era a estela. para nossa sorte, morávamos na mesma cidade. começamos a conversar e mais que depressa, trocamos messenger (msn). conversamos sobre vários assuntos... até eu dizer que tinha vontade de sair com uma mulher. ela no mesmo instante ficou excitada e também confessou que tinha o mesmo desejo. mas, que a princípio tinha um pouco de receio. mas, que iríamos conversar e que em breve marcaríamos o encontro, para finalmente nos conhecermos.
foram noites e dias, no msn...juras de amor e muitos gemidos.
finalmente, resolvemos marcar o tão e esperado encontro. combinamos que seria em minha casa, já que sou casada e o eduardo estava no trabalho. ela me ligou, dizendo que estava quase chegando. então, fui esperá-la no local combinado. até o presente momento, apenas havíamos nos visto pela web cam. estela, uma morena linda, seios fartos, cabelos negros, olhos puxados, simplesmente gostosa, coxas grossas, buceta carnuda e um grelo sedento por uma língua quente e gulosa.
chegando em minha casa, sentamos no sofá e conversamos durante 2 horas. após isso, estela me disse que estava com muita sede. perguntei se ela aceitava um refrigerante ou água. ela, disse que preferia água. após ter tomado a água, estela me disse que iria até a cozinha lavar o copo. e eu imediatamente, fui atrás dela. vocês imaginam o que aconteceu na cozinha? a peguei por trás...e a beijei na nuca e ela automáticamente virou-se e me deu um super beijo na boca. daqueles de tirar o fôlego e ela passava suas mãos por todo o meu corpo, o que realmente me deixava arrepiada e louca de tesão. a partir desse dia, começamos a nos encontrar em todas as suas folgas. passamos maravilhosas tardes de amor juntas. ela me chupa maravilhosamente bem. sua língua pecorre todas as partes do meu corpo e a parte que mais ama passar a língua, é a minha buceta.
ela chupa de uma forma única e indescritível. pois, só uma mulher sabe como fazer uma outra mulher realizada na cama.
nunca imaginei que pudesse amar de verdade uma mulher, como amo a estela.
ela realmente me faz feliz e sei que o nosso amor é verdadeiro.
com o passar do tempo, nosso grau de intimidade estava cada vez mais aumentando. estela, mencionou que gostaria de me levar ao sexy shop. marcamos um dia e fomos. eu, estela e eduardo. chegando lá, a senhora que trabalhava lá nos atendeu e perguntou o que gostaríamos de ver e a estela, imediatamente disse que queria ver os pintões de silicone. pois, queria usar comigo.
enquanto a tiazinha, conversava com o eduardo que também estava procurando um pintão para ele...ela me pegou e me beijou...um beijo, demorado e molhado...beijo esse, que me deixou louca e excitadíssima.
saímos de lá sedentas para experimentarmos nosso novo brinquedo.
gozei muito...gemi muito e tive vários orgasmos.
continuamos juntas até hoje e realmente não conseguimos nos ver uma longe da outra.

amar uma mulher é algo indescritível.

em resumo: sinto muito mais prazer e tesão fazendo amor com a estela do que com o eduardo. pois, ele não curte buceta e sim que tanto eu quanto a estela, fodemos a bunda dele com os pintões de silicone.

bom, mas a história do eduardo contaremos em outro conto e ai sim vocês descobrirão o por quê dele ter se tornado nosso “gayzinho”.