RSS contos eroticos

Conto Erotico Familias de porra / 3°conto: Vida doce e dura

(Antes de lerem, só um aviso: quem não leu nem a parte 1 ou 2, vão na minha home ou digitem em procurar.) Minha mãe tinha: cabelos pretos e meio enrolados e meio curtos, olhos marrons, dentes branquinhos, pele meio branquinha (herança genética de português), meio baixinha: 1,57 de altura, peitos um pouco pequenos, bunda média, porém boa para se bater, e buceta meio peludinha, mas um charme, tinha as pernas grossas e a cintura média, mas para o meu pai qualquer mulher serve, mesmo que tenha bigode ou cabelo no suvaco, gorda, etc. Meu pai ficou careca cedo, mas na época poucos fios dele cairam, olhos castanhos escuros como os meus, pele escura (herança genética indígena), alto tinha 1,82, meu pai não tinha muito peitoral pq ele sempre foi gordão, mas na época o corpo dele tava radiante, tinha cabelos no torax, o corpo não era nem muito peludo nem muito seco, mas ele raspava debaixo do braço, tinha pau não muito alto, mas sim grosso quase 5 cm de grossura, e 16 cm de altura quando ficava duro, não tinha muito culhão e a bunda era grande de homem bem evoluido, mas minha mãe se apaixonou por ele porque ele tinha lábia para conquistar mulheres, sendo assim minha mãe acabou se apaixonando perdidamente.
1 Semana depois, meu pai tava conversando com o Josué sobre minha mãe: Abnael - Cara, esqueci de te contar: já tenho uma nova puta nas minhas mãos, ela já ta caidinha por mim
Josué - que se dane, mulheres só servem pra uma única coisa mesmo. O jeitinho bobo e fácil delas é que facilita nosso trabalho de conquistá-las e leva-las para a cama.
Abnael - Poisé, eu chamei ela pra sair na sexta feira, que no caso já é depois de amanhã
Josué - huahuahua, enquanto isso, o que vc acha da gente curtir esta noite lá no puteiro novo que abriu lá no centro da cidade? dizem que as gatinhas de lá são boas de cama e faceiras, o preço não é muito caro e tem muitas ninfetinhas adolescentes rondando por lá.
Abnael - Uia, adoro putas novinhas, o que estamos esperando????vamos para lá umas 20:00 horas. Tá bom pra vc?
Josué - Hehe, calma ai tubarãozinho...esta noite também vai ter um evento social la muito importante por essas bandas, lá pras 22:00 horas, vamo ir la? vai tar fervendo de mulher bonita e muitas são magnatas ou pequenas celebridades xD
Abnael - o problema é o dindin manow...
Josué - tranquilo...esta noite é por minha conta, mas tu vai tar me devendo esse favor viu malandrão
Abnael - kk vo te dever é com um terno e um sinto *u*
Josué - poisé, então vamos nos arrumar, pq já são 17:00 horas, temos que nos produzir pras vagabundas e para a festa, vc já prefere as mais novinhas, eu prefiro as mais velhas meu brother!!
Abnael - que se foda cada um na sua, o importante é o que elas nos fazem sentir na hora do nheco nheco!!
Josué - de boa...em vez de ficar aqui de papo furado, vamo logo se arrumar, eu já to indo flw, venho te buscar ás 18:30
Abnael - vala, eu também ja vou ver aqui os detalhes...eu te levo na saida.
é...no fundo ainda eram 2 pirralhos, mesmo o meu pai sendo mais velho, agia igual ao nivel do Josué, que tinha só 17 anos, eles eram amigos inseparáveis, pra qualquer parada eles topavam e nunca se abandonavam, até hoje.
Enquanto isso minha mãe ficava no pensamentos dela, pensando no safado do meu pai: Silmara - *por favor senhor, me ajude a vencer esta doença que tanto me persegue e me faz ter pesadelos a noite, para eu poder ficar em paz e com o caminho livre para ficar com meu homem ;( ain estou apaixonada por ele, e acho que não vou ceder na primeira oportunidade. Senhor, por favor que esse homem não seja safado e desse tipo, porque se for assim, eu tento esqueço ele e procuro outro, se ele for safadão, malandrão quero que va pro inferno, e tire ele da minha vida, estou lhe pedindo senhor pelo amor que tens por mim!!*
Na mesma hora, o telefone celular toca, era uma amiga da minha mãe, Viviane que até hoje conversamos com ela, minha mãe dava apelido carinho de Vivi, e ela de Sisi para minha mãe. Vivi - oii amiguxa s4
Silmara - Amoreeeeeee...como vc está??
Vivi - ain, estou muito bem obrigada. Liguei pra dizer que vai ter um evento super importante no centro da cidade, eu tenho grana pra nós 2, e eu te convido formalmente para me acompanhar, quer ir????
Silmara - Huum, não sei vo pensar
Vivi - então pense rápido, porque vai acontecer ás 22:00 horas em ponto.
Silmara - e o que é exatamente esse evento?
Vivi - é uma cerimônia de premiação, para um empresário famoso que veio receber seu prêmio esta noite!!!
Silmara - sei...então vai ter festa né, suponho
Vivi - aham, e das boas, só vai ter gente importante por lá, eu andei economizando minha grana todinha justamente para gastá-la com esse evento.
Silmara - é...acho que vc tem razão, e essas noites eu ando tendo pesadelos horriveis com ele...
Vivi - ah sei, aquele bofe que vc conheceu no hospital né
Silmara - ain amiga, eu amo ele e estou disposta a sacrificar tudo pra poder ficar com ele, ele parece ser uma boa pessoa
Vivi - as aparências enganam garota, cuidado!!! se eu fosse você, tentava explorar mais a amizade de vocês para se conhecerem melhor...mas enfim, ele também te ama?
silmara - Não sei de nada, acho que vou saber no jantar que reservamos para sexta feira, ai eu vou esclarecer todas as minhas dúvidas se ele presta ou não
Vivi - tomara...mas se ele tentar algo com vc ou te desrespeitar, pode deixar que eu dou uma lição nesse fudido, pra aprender a nunca mais brincar com seus sentimentos >:(
Silmara - rsrsrs, valeu mesmo amiga, mas eu não preciso de proteção, nasci com 2 braços e 2 pernas, e dona do meu nariz, hehe
Vivi - as pernas é pra dar um chute onde mais dói *u*, enfim amiga decida-se...você vai comigo ou não????
Silmara - huuum...Ta bom eu aceito ir com vc :)
Vivi - uia, não vai se arrepender!!!vamos nos divertir bastante esta noite...
Silmara - só vou avisar a minha mamãe Lealdina que vamos sair, pra ela não se preocupar depois
Vivi - kkkkkk diz que é dona do seu nariz, mas ainda mora com a mamãe e chama de mamãe :P
Silmara - Humpf...qual é o problema? ta nessa é, vc sabe muito bem, que eu que sustento esta casa, eu trabalho de pão a pão na empresa do meu pai, me dando tudo de mim
Vivi - disso eu não duvido meu amor...mas enfim, eu vou desligar para me arrumar ta bom??? vamos de trem ta bom, é mais rápido e menos arriscado. Te amo!!
Silmara - Ount...não tanto como eu te amo...se arruma la que jaja eu também to indo, xau amiga fui!!!! beijos e abraços
Vivi - UM beijão pra vc também.
Silmara - *ai deixa eu me arrumar, já vai dar 19:00 horas, vo avisar a coroa*
Minha avózinha Lealdina, mora na nossa casa até hoje, sendo que é sogra do meu pai, mas os dois não se suportam desde essa época que minha mãe amava ele, ela já sabia que era um filho da puta arrombado, mas ela mora com agente para ficar com os netos, ela vendeu a casa dela, e veio assim fazer mais parte ainda da familia.
Enquanto isso, meu pai e o seu amigo de merda, chegaram no puteiro, 20:07. Estavam escolhendo as garotas: Josué - E ai gordo, qual vc escolhe?
Abnael - huum...aquela de Lyncra curtinha, que tem 15 anos, é gostosa demais, olha quantas curvas...
Josué - Calma ae pedófilo ambulante, essa dai custa um pouco mais caro.
Abnael - foda-se, eu pago ela, e olha só já tem corpo de mulher cedo: cabelos lisos e longos, pele limpa e corada, curvas, peitões, quer mais o que??
Josué - tudo bem...então eu acho que vo ficar com aquela do cu fino de 32 anos: além de ser mais barata, é gostosa, branquinha, loira, corpuda. Essa dai vai fuder muito gostoso lá na cama
Abnael - Do jeito que tu é fraco, vai gozar logo na primeira quer ver?????
Josué - aff --' va da o cu, eu escolho quem eu quiser, e essa dai não é de se jogar fora
Abnael - vai nessa...
Sendo assim, cada um foi para o quarto: meu pai pros melhores quartos e o Josué pros regulares.
Abnael - Vamos lá vadiazinha...vo fuder você sem camisinha...
Puta n°1 - então vem gostoso, to esperando
Abnael - puta que pariu, cada um tira a roupa do outro ta firme?
Puta n°1 - vamo lá, eu tiro a sua primeiro
Primeiro ela tirou a camisa do meu pai, ele tava usando uma camisa de frio, abriu o ziper da bermuda com os dentes, e tirou a calça com tanta vontade que quase ele cai, meu pai tava usando uma sunga bem sexy, dava pra ver o picão dele pelo tecido, ela foi tirando devagarinho até chegar nos joelhos. Puta n°1 - uia, que pauzão vc tem, grosso como uma tora, tô doidinha pra vc enfiar ele dentro de mim e ir arrombando
Abnael - HUAHUHUA é vadia mesmo...
A puta tava usando uma mini-saia, uma calcinha fio dental e uma lyncra pelo resto do corpo, meu pai antes de tirar as peças passou a mão por debaixo da saia e ficou cutucando a bucetinha dela, passou a mão por debaixo da calcinha e foi enfiando os 2 dedos para uma melhor penetração Puta n°1 - ui, que gostoso adoro homens experientes e arriscados!!!
Abnael - e você ainda não viu nada moleca, se tem uma coisa que eu adoro é fuder as novinhas como você
Puta n°1 - é? mal posso esperar então hehe
Abnael - ta meladinha hein...até encharcou meu dedo...
Depois meu pai foi tirando a saia de uma vez sem abrir o ziper, depois foi tirando a calcinha bem devagar, deu uma cheirada e jogou do lado da cama.
Abnael - Assim é que eu gosto: totalmente depilada,
Puta n°1 - Vamo lá, vou dar uma chupada nesse pinto duro agora
Abnael - aham, e quero ver vc engolindo toda a minha porra, mostra que vc é uma puta de verdade honre seu nome
Ela podia ter apenas 15 anos, mas era experiente pra caralho, chupava com vontade como se estivesse chupando um pirulito, meu pai a agarrava pela cabeça e a forçava para ela chupar mais rapido e gostoso, enquanto ele ia dando pequenos tapinhas na bunda dela: tap tap tap.
Abnael - Issoooooo, chupa mais, isso cospe, cospe nessa vara...
Puta n°1 - tem gosto de menta xs.
Abnael - vem, já chega agora eu vou chupar a sua periquita de ladinho.
Puta n°1 - mas vê se engole tudo, que eu to encharcada aqui.
Imediatamente ela ficou de joelhos sobre a cama e meu pai deitado embaixo da xoxota dela, e lambendo devagar e aos poucos aumentando, depois foi chupando mais rapido e mais forte, ele puxava os clitóris dela como se quisesse arrancar, ela podia ser experiente mas dava cada gemido do capeta.
Abnael - Cuidado pra não gozar antes do tempo filha da puta.
Puta n°1 - aiiiiiii tá tão gostoso
Abnael - Chega, agora eu quero meter em você um pouquinho
Puta n°1 - Onde vc vai meter?
Abnael - Só no chark, eu não gosto de meter em cu sem camisinha, vai que de repente meu pau fica fedendo a bosta seca
Puta n°1 - e nem eu gosto de ser fudida pelo cu, enfia na minha bucetinha mesmo
Abnael - Mas vê se controla teus gritinhos histéricos.
Puta n°1 - primeiro na posição do franguinho assado, a que eu mais gosto ;)
Abnael - e a mais fácil também, vamo la vo meter
Meu pai era ótimo de cama, tanto que ela só faltou morrer. Ele enfiava com vontade, disposição chegando até o útero, ele metia todo o pau la dentro, primeiro devagar, depois ficou igual uma metralhadora enfiando com vontade:
Puta n°1 - AIIIIIIIIIEEE...que delicia me fode todinha vai
Abnael - Então vamo logo, vo fazer você gozar
Puta n°1 - puta que pariuuuuuuuuu aaaaaaaaaaaaaaahhhhhhh Meuuu deuuuuuus estou gozandoooo awwwww que delicia, que picão gostoso me arrombando aiie.
Abnael - Vamo lá, também vou gozar logo, porque tenho outros compromissos para esta noite...AWWWW
Meu pai gozou como nunca na buceta dela, pois ele deu um berro de satisfação sem igual, depois ele rolou na cama, E os dois se abraçaram se esfregando e conversando mais um pouco.
Abnael - Nossa...Fazia tempo que eu não dava uma gozada assim antes, pirralha você é maravilhosa para fuder, parabens!!! Só não fizemos mais porque esta noite tenho mais alguns compromissos para fazer, senão eu ficava a noite todinha fudendo sua linda bucetinha!!!
Puta n°1 - kkkk eu acho que não ia aguentar, vc tem uma vara grossa demais e muito gostosa!!!
Abnael - Vc não faz idéia de como eu adoro fuder as novinhas, ainda mais como você que é bem dotada de corpo!!
Puta n°1 - Ok, já ta na hora de pagar, 50 conto, tudin na mão.
Abnael - Tudin na mão...tomara que se engasgue.
Puta n°1 - foi um prazer fuder com você Abnael Rodrigues Tenório Ferreira. Quem sabe algum dia agente repete a dose
Abnael - é...pode ser, mas agora eu tenho que ir, até breve, e nunca se esqueça de mim viu ;D
Puta n°1 - vc também, nunca se esqueça de eu.
Abnael - rs Vc é meio fraca pra fuder, mas eu nunca esqueço de ninguém que eu já penetrei. Fui!!! vo me vestir.
Enquanto o meu pai se vestia, o amigo dele Josué, estava tendo uns "problemas" com a rapariga dele:
Puta n°2 - E ai vai meter ou não vai caralho???
Josué - Relaxa ae, eu já te dei uma chupada e uma dedada...e vc também
Puta n°2 - Aham, foi só uma chupada pra você ficar assim, e Isso já faz uns 20 minutos...aff se eu soubesse que vc gozava rápido eu pegava o primeiro panaca que eu encontrasse no puteiro!!!
Josué - Vai pentear macaco então...fazia tempo que eu não fudia um pouco, ai perdi o equilibrio foi mal.
Puta n°2 - ta, dexa quieto...já se recuperou??
Josué - Já sim...vamo continuar logo, que eu tenho um compromisso mais tarde.
Puta n°2 - Me fode bem, pra compensar o tempo que eu fiquei esperando!!!!
kkkk dá até vontade de rir desse cara...e não é por causa de muito tempo que ele gozou rápido, ele que é fraco mesmo e não aguenta muita pressão, totalmente o contrário do meu pai, Hoje em dia ele adora encarnar nele quando tão brigando, já brigaram de socos muitas vezes, e no final eles sempre falavm um pro outro: "Nunca vo te perdoar por ter feiro isso" e outras besteiras. Quem geralmente separava a briga era a Marcinha + a Thalissa, meu medo é que a raiva tome conta deles e eles acabem se matando de verdade :@.
Bom gente, por hoje é só. leiam o próximo conto desta série "FAMILIAS DE PORRA", não esqueçam coloquem meu nome em procurar ou entrem na minha home para ler os contos e outros que eu escrevi xD, afinal vc está lendo para se divertir e ficar com tesão. Té a próxima (:



Gostou? Então Compartilhe!