RSS contos eroticos

Conto Erotico MINHA SECRETARIA PARECIA SERIA MAS

O fato que vou narrar aconteceu realmente comigo, e escrevo este, ainda com o pensamento nos momentos que acabo de vivenciar com Laila minha funcionaria.Tudo aconteceu quando eu e meu irmao resolvemos montar um deposito de nossa empresa no estado do Para como a empresa e minha de meu irmão um de nos teria que ir pra La para minha sorte fui eu quem foi quem foi destinado a ir.Quando cheguei la eu e nosso supervisor olhamos alguns galpões pra alugar ,quando alugamos teria que formar o quadro de funcionários logo começaram aparecer os currículos,deixei a cargo do nosso supervisor para contratar no dia seguinte ele contratou duas meninas para o escritório e me avisou Rafael uma das garotas que contratei para o escritório e uma menina linda você vai ver que aviao,no outro dia já vieram trabalhar,quando vi as duas garotas realmente o Carlos tinha razão a garota era bonita se chama Laila com seus olhos azuis,cabelo preto .morena clara um corpo muito bonito era mesmo de chamar atenção destinei para a área de cobrança os dias foram passando eu a tratava com o Maximo de respeito o Carlos que e o supervisor da empresa as vezes jogava umas diretas nela mas ela não dava moral parecia ser uma garota seria ate a véspera do feriado de sexta feira santa deste ano 2013 que as coisas começaram mudar, saí da empresa onde trabalho para ir embora tomar um banho e descancar mas depois do banho resolvi ir ate o shopping comer alguma coisa . Logo na entrada vejo Laila do outro lado uma visão que não vai sair tão cedo de minha memória ela estava com uma roupa, estava a coisa mais perfeita que já vi no auto de meus 38 anos, a garota tava linda com seu rosto de uma deusa, morena clara, cabelos pretos, bem lisos, presos em um rabo de cavalo, olhos azuis bem grandes, uma boca linda, magra, e um jeitinho que me deixou maluco, usava esmalte amarelo, combinando com uma correntinha de barbantes também amarela, vestia a blusa azul que marcava seus pequenos seios, uma calça azul de lycra com frisos verdes, muito apertada, dava pra ver perfeitamente o contorno de seu bumbum lindo e de sua bucetinha,isso ela me fez prestar mais atenção nela percebi quanto ela e gostosa a coisa mais linda que já vi. Entrei e perdi ela de vista,fui para praca de alimentação , a fila para pedido estava enorme por causa do feriado, passou um tempinho, e logo já tinham mais pessoas atrás de mim, de repente, aparece minha linda funcionaria, ela vai pra fila fica La a atrás ,eu a chamo ela vem fica junto comigo, começamos a conversar e acabou virando uma pequena paquera, parecia que tinha voltado aos meus tempos de colegio, fizemos os pedidos e fomos para mesa esperar conversa vai conversa vem , olhei em seus olhos fiz um elogio são os olhos mais lindos que já vi brinquei com ela,ela deu o sorriso mais lindo que já vi, depois de muito eu insistir , chega a vez de eu ser atendido, pergunto sobre ela ,ela resolve falar disse que tava ali so porque tinha terminado o namoro,perguntei porque , ela demorou a responder porque ele me traiu,traiu pergunto ,me traiu com uma amiga dele e você não sabe da maior ele e adventista sempre quis dar um de muito certinho,religioso falava que tiamos que casar virgens por causa da religião e depois faz isso,então você e adventista reguntei, não eu sou católica como que vcs namoraram então,conhemos no colégio quando eu tinha 15 anos começamos um namoro mesmo a sua família sendo contra durou ate semana passada agora to so ela respondeu,ai eu não agüentei de curiosidade e perguntei,quer dizer que você e virgem,ela demorou um pouco a responder sim sou respondeu e quis mudar de assunto, acabamos de lanchar perguntei onde ela morava já que eu não sabia e ofereci uma carona, quando que para minha surpresa ela me fala,eu moro aqui perto mas desde de você me oferecer uma carona porque você não me convida pra ir em uma boate quero dancar eu nunca fui quero saber como e tem que ser hoje aproveitar que meus pais foram fazer uma visita a uma tia minha em Palmas TO eu to sozinha em casa se eles tivesse aqui iria encher muito o saco, mas você de maior ,mesmo eu tendo 19 anos eles pegam muito no pe,não conheço nada aqui Laila voce me ensina o caminho eu ti levo , Não parecia acreditar aquela garota linda me convidando pra levar ela em uma boate, até aí sem segundas intenções, pretendia apenas levar ela pra dançar , afinal,eu estava realmente encantado ela. Pegamos meu carro e fomos para a boate chegando La pedi 2 cervejas ela disse que não bebia não tinha costume e tal,insisti ela pegou uma começou a beber e fomos dançar ,pedia mais duas ela tomou já na terceira lata ela já bem de fogo estava bem alegre tinha se soltado por completo começou esfregar seu corpo no meu, meu pau ficou duro só de pensar naquele bumbum lindo, peladinho, minhas intenções com ela já avia mudado eu queria abraçar,agarrar,beija-la ,ate ai eu não tinha segundas intecoes com ela,ali pelas 3 horas ela pede pra eu levar ela embora.Saimos da boate ela entrou em meu carro e fomos embora, pelo caminho, eu tava delirando com aquela garota bonita ali ao meu lado, pergutei onde ela morava. Ela me disse em que rua morava apenas dois quarteirões dali, e como minha casa era perto também , disse-lhe que iria passar em minha casa primeiro antes de leva-la , ela disse que tudo bem, parei o carro na porta de minha casa, e para minha surpresa, ela perguntou: - Você mora sozinho? Disse que sim, e ela retrucou: - Nossa, você deve ficar muito solitário nessa casa, posso entrar pra ver como é a casa de homem que mora sozinho? Você deve fazer a maior bagunça. Abri a porta do carro pra ela como todo bom cavalheiro, peguei-a pela mão e entramos juntos de mãos dadas. Pedi que ficasse a vontade, que poderia olhar o que quisesse, eu não poderia forçar nada por ser minha funcionaria tava me segurando não iria tentar seduzi-la, apenas admira-la.Ela foi passeando pela casa e conhecendo o território, até que encontrou meu lugar favorito, minha sala de musica e vídeo onde passo grande parte de meu tempo livre. Ela começou a olhar meus filmes e DVD’s, percebi que tinham uns pornôs no meio, fui até ela e disse: - Desculpe, mais esses você não pode ver,porque ela retrucou ,não respondi nada. Guardei-os em outro lugar e deixei-a observando os outros, desci para tomar uma água e quando voltei ela estava sentada no chão, próxima a estante de filmes lendo o encarte de um DVD. O filme era “Coração Selvagem”, um romance este e um de meus favoritos, ela me disse que gostava muito desse filme, que era um de seus favoritos tambem. Não pensei duas vezes, ofereci a ela o filme como presente, ela disse que não iria leva lo para sua casa iria assistir em outro dia em minha própria cãsa . Disse então que o filme já era dela, e que poderia voltar quando quisesse para assisti-lo, ela me agradeceu com beijo no rosto, o beijo mais gostoso que já ganhei, sincero e cheio de carinho, mesmo sendo no rosto ficou aquele clima de quero mais, voltamos para o carro e eu a levei para casa, não rolou nada de mais quente nesse dia pensei comigo perdi a oportunidade . No dia seguinte, feriado de sexta feira santa , tive a melhor surpresa de minha vida, a campainha toca, olha pela sacada, é ela, minha linda funcionaria.Fui correndo como um louco abrir a porta, ela estava ainda mais linda, usava topzinho azul, bem apertado, que marcava o biquinho de seus seios e um short branco de lycra bem apertado tava um tesao, não pude acreditar no que estava vendo, aquela garota linda estava pronta para o que der e vier, me cumprimentou com um beijo no rosto e disse: - Vim assistir ao meu filme, você está ocupado agora? Disse que não, entramos juntos e começamos a preparar tudo,peguei uma garrafa de vinho pra gente, joguei algumas almofadas pra gente se acomodar no tapete da sala e coloquei o filme.Durante o filme tomamos toda garrafa ela ficou estava bem alegre mas não tomou nem uma iniciativa eu também não. Ela viu o filme todo, até o fim, até as cenas extras do DVD, com a cabeca apoiada em meio ombro, e eu claro não tentaria forçar a barra para conseguir algo com aquela garota por ser minha funcionaria poderia me trazer problemas, teria que esperar uma atitude dela. Quando o filme acabou olhei pra seu rosto, ela estava chorando, enxuguei seu rosto com minha camiseta e parei admirando aqueles olhos azuis , nos olhamos por uns segundos inteiros, sem dizer uma palavra, até que não resisti e lhe dei um beijo, ela fechou os olhos e passou a curtir, estávamos ainda sentados no chão, ela veio e se ajeitou no meu colo, colando seu peito contra o meu e passando suas pernas grossas uma de cada lado das minhas,sua bucetinha encostou no meu pau que já tava duro so de ficar olhando aquele corpão,deixamos de resistir por completo aos nossos desejos, levei minhas mãos a sua bunda e comecei a acariciá-la e aperta-la, ela começou a beijar meu peito, tirei seu top seus peitinhos ficaram livres comecei a chupar seus pequenos peitinhos, durinhos e de péle macia, coloquei-a deitada no sofá com as pernas bem abertas, beijei sua bucetinha por cima do shortinho e ela começou a gemer baixinho e pedir pra que fizesse tudo com muito carinho, pois ela ainda era virgem , Beijei longamente sua boca e logo voltei ate sua buceta, tirei seu short bem lentamente, e, finalmente pude admirar aquela garota linda peladinha , meu deus, que perfeição, como uma garota tão pode ser tão gostosa assim, beijei suas pernas dando mordiscadas de leve , perguntei se ela gostaria realmente de perder a virgindade, ela disse que sim, voltei a chupar seus peitinhos e levei minha Mao ate sua bucetinha e comecei alisar com o dedo e fui penetrando lentamente, ela deu um gritinho, pensei que tivesse a machucado sua bucetinha apertava meu dedo,falei em parar mais ela implorou para que eu continuasse o cheiro de sexo já tava no ar, eu disse que não, não queria romper seu hímen com dedo, tinha planos melhores pra ele, ela deu um sorriso e começou a tirar minha calça, eu estava sem cueca meu pau pulou pra fora nossa e muito grande e grosso Rafael, e todo seu gatinha pode chupar, ela pegou meu membro e meio sem jeito levou-o até sua boca, disse-lhe para ela chupa como se fosse um sorvete, ela logo pegou a manha e me deixou em ponto de bala, chupei muito sua bucetinha ate fazer ela gosar para lubrificar bastante, peguei ela nos braços levei para o quarto coloquei ela na cama e pedi que abrisse suas pernas o Maximo possível, meu deus, que visão, aquela mulher lindíssima que coxas grossas bronseadas, de pernas abertas bem diante de meus olhos,pronta pra ser minha sua bucetinha era toda rosada, por dentro e por fora, tava lizinha encostei a cabeça do eu pau em sua bucetinha linda achei que não entraria e percebi que ela começou a tremer, perguntei se ela realmente queria perder sua virgindade naquele momento, mais que depressa ela disse que sim, então comecei a forçar a entrada, estava muito difícil, ela reclamou da dor, eu parei um pouco e voltei a chupa-la, tentei novamente, consegui colocar a cabeça do pau pra dentro daquele buraquinho apertadinho, ela se esqueceu da dor e pediu que colocasse tudo vai eu quero você inteiro dentro de mim, fui colocando bem devagar pra não machucar eu não queria asusta-la encostou no seu cabaco coloquei mais um pouco de forca entrou a metade ela não suportou e começou a pedir pra tirar que não tava agüentando eu não resisti meti o resto, sem dó nem piedade, ela gritou e me deu uma mordida no ombro que dói até hoje parei um pouco e comecei um vai vem bem devagar tava muito gostoso sentir sua bucetinha apertar meu pau, logo a garota ja estava em êxtase, ela gritava palavrões e falava coisas incríveis enquanto eu fazia movimentos de vai e vem dentro de sua buceta. Com medo que alguém na rua ouvisse os gritos dela, tapei sua boca com um forte beijo, ficamos ali por algum tempo, até que percebi que ela iria gozar, me preparei afundei meu pau todo pra dentro gozei junto com ela eu sentia meu pau latejar e soltar jatos de porra dentro dela nunca gozei tanto enchi aquela bucetinha com uma larva de porra quente . Ela achou um delicia, tirei o pau de sua bucetinha vi o estrago que tinha feito sangue misturado com porra por toda cama, fomos para o banheiro tomar banho meu pau ficou duro novamente ainda dentro do banheiro coloquei ela de quatro empurrei meu pau pra dentro novamente eu delirava olhando aquela bunda linda que muitos desejava e ver meu pau entra e sair de dentro dela ficamos ali um pouco voltamos para cama virei o cohao coloquei ela por cima, ela começou a cavalgar numa sensualidade suspirava ai ai um como eu perdi tanto tempo com aquele cara um um um isso e uma delicia ai vou gosar eu parecia não acreditar no que tava acontecendo vendo aquela nifeta de apenas 19 anos recém desvirginada engolindo meu cassete que mais ou menos mede 23 cm ,a garota que todo mundo na empresa deseja eu fui o felizardo de transar com ela,a partir desse dia ela passou ser minha mulher em marabá transamos quase todos os dias,so não entendo como que o cara mesmo sendo adventista namora um monumento desse e resiste 4 anos sem tranzar com ela,depois que eles terminaram bastaram 26 dias pra ela me dar sua bucetinha ,mesmo seus pais sendo muito canseira não deixando ela sair a noite as vezes a pego ela na faculdade horário de aula e a levo pro motel ou no horário de almoço eu a levo pra minha casa ela com desculpa que vai almoçar em restourante vamos para minha casa já fiquei com ela no escritorio quanto mais tranzamos mais me da vantade,ela me deixa louco so não sei o que vou fazer quando minha esposa vier morar aqui eu não posso abrir Mao de uma garota gostosa de 19 anos como ela .ela já me avisou que vai fazer eu separar de minha mulher que vai ficar comigo.
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.