RSS contos eroticos

Conto Erotico Segunda vez com Cavalo e irmã - parte 2

Desculpem pelo final da parte anterior... estava fazendo trabalho e escrevendo e não tive tempo desde então com tcc, e trabalho no tratamento de animais. Bom, continuando.
Estava abismada com minha irmã chupando aquela pica de cavalo imensa, mas ela não parecia confortável naquela posição. Foi ai que ela tirou a boca e me pediu ajuda pra fazer uma coisa louca... Minha irmã tem fetiches de inserir coisas imensas em todos os buracos de seu corpo... só que dessa vez a coisa é viva... e goza muito. ela deitou de barriga pra cima com a cabeça pra fora do palco e ia permitir o cavalo fuder a cara dela de como ele quisesse, mas pediu pra eu ficar alí caso precisasse tirar ele de lá. Não tive como negar pois ela faria do mesmo jeito. O cavalo tava já tremendo de tesão de tanto que ele já tinha ido, e acredito que ia gozar logo. Thais se posicionou, enquanto eu segurava o cavalo. ele começou a inserir lentamente a pica na boca da minha irmã, ela se deliciando. Até o momento em que ele dá um leve tranco, e ela fecha os olhos. No momento não sabia, mas ela bateu a cabeça e desmaiou... eu meio horrorizada e o sinal que minha irmã combinou foi bater no chão então só olhava pra mão dela. O cavalo foi entrando cada vez mais fundo, e comecei a ver um nivel grande na garganta de minha irmã. Assustador? Sim, queria ter tirado ele, mas ela nem se mexia, porém suas coxas estavam visívelmente molhadas, e ela estava esguixando gozo.o cavalo deu mais um tranco e a pica estava metade dentro. ele começou a gemer e gozou, e gozou e gozou. foi tirando enquanto gozava, e quando saiu, gozou mais ainda tudo encima de minha irmã. Fui logo ver se ela estava bem, e apesar de arrombada na garganta, e toda gozada da testa até a barriga por dentro e por fora, ela estava sorrindo que nem louca.
-Nunca gozei tanto na minha vida-disse ela. Ela estava totalmente bêbada de tesão. tanto que começou a me beijar. com aquela porra toda sendo trocada, e aquelas caríssias quentes, acabei me levando pro lado da excitação... o cavalo estava gostando pois enfiou a pica no meio... Quando minha irmã viu a pica ela falou "agora quero nos outros dois, e você em cima de mim." Por algum motivo aceitei prontamente.ela se deitou de barriga pra cima, pernas pra fora do palco, e eu por cima dela. -''Quero na xana primeiro ok? O melhor deixa pro final..rsrs"- Concordei sem falar nada,mas muito excitada.-Vou te ensinar tudo sobre sexo daqui pra frente, e vamos ser irmãs de tudo.-Concordei novamente, mas muito feliz. Nunca tive uma mãe presente e minha irmã era tudo que tinha... Relacionei sexo com minha irmã como algo normal e necessário a partir dai. O cavalo começou a chegar e ela pediu "enfia pra mim vai..." fui posicionando até ficar na entrada, e ela começou a gemer. Ele entrou facilmente... minha irmã consegue por o punho fechado dentro da xana, e as duas mãos no cú... aquilo entrou fácil....fácil demais. o cavalo notou a facilidade e foi indo mais fundo sem voltar. Minha irmã tava com os olhos revirados e parecia estar gozando infinitamente. Sem pensar a beijei e ela retribuiu passando a mão em minha bunda dando leves tapas. Depois de um certo tempo nesse erotismo minha irmã deu uma gemida imensa enquanto o cavalo parou logo depois de uma fortíssima estocada. ela começou a falar quase sem ar "entrou...entrou...entrou...útero..."ela estava exalsta e com uma pica de cavalo até o fim da buceta... mas não até o fim da pica. eu me curvei e vi que tinha um volume dentro dela imenso, era a pica... o cavalo começou a forçar mais pra dentro, e num gemido de muita dor e prazer Thais goza loucamente. junto o cavalo geme, e goza muito. Quando o cavalo consegue tirar a pica, saido de cima de Thais e vou verificar o estrago. estava com tanto gozo que escorria sem parar, e ela me diz "não desperdiça...quero...beber..." sem pensar começo a por tudo na mão e na boca e levo pra minha irmã semi morta de sexo. trocamos gozo de cavalo quente e delicioso e muitas caríssias por pelo menos uma hora, até que ela diz "agora é hora..." ela queria enfiar tudo, no cú. Já deve ter dado pra perceber que minha irmã é viciada em sexo... pois bem, depois conto outros contos delas aqui, ela deixou. Ela queria um 69 com a pica do cavalo no cú dela... e eu por cima. Ela demorou uma meia hora pra me convenser e fomos nos preparar. Ela falou "Vou te fazer esguichar gozo maninha, então prepare-se" isso me deixou escorrendo, também depois dessa noite... Ajudei a colocar a cabeça, e me impressionei como entrou fácil, minha irmã me lambendo e enfiando dedos dentro de mim fácilmente também me impressionou, parece que a pica num fez diferença pra ela...o cavalo começou a entrar, e Thais a gemer, enquanto ela enfiava a mão dentro de minha buceta e meu cú, eu a lambia e enfiava a mão, tirando gozo de dentro dela e espalhando na pica pra lubrificar. Quando o cavalo começou a acelerar eu estava gozando já e minha irmã estava tomando um banho de meu gozo, ela gozou também, mas não tanto... O cavalo ia aos poucos acelerando e indo mais fundo, e foi passando do 3/4 que me impressionou, minha irmã gemendo de dor e prazer novamente. Vi o cavalo posicionar as pernas e pensei "fudeu", ele estocou com tudo e minha irmã gritou "SEGURA DENTRO Q QUERO Q ELE GOZE MAIS" sem pensar muito segurei o pinto dele dentro até ele parar de relinxar e ela o prendeu numa chave de perna com, numa cena muito louca... lembro que por um minuto de sanidade mental olhei um relógio lá dentro e eram duas da manhã... começamos a fara as 8h30min da noite...
Depois de ter gozado litros em cima de minha irmã ela pediu pra eu ajudar a não deixar o cavalo sair dela, ela queria o máximo de gozo possível dentro dela, que é o maior fetiche dela. "quanto mais gozo melhor."fui pra baixo do cavalo e puxei as pernas dela enquanto lambia o toco final da pica do cavalo. Ele se excitou e continuou a se movimentar, lembro de ter isso e depois ir deixar minha irmã me chupar e enfiar a mão até o fim, enquanto ela se prendia ao cavalo. Ficamos nisso até as 3h50min. vai ter parte 3 rrsrsrsrs
Não permitimos pedofilia neste site! Ajude-nos a identificar.